Acredite, essa notícia é verdadeira: há um país no mundo que conseguiu zerar o número de cachorros pelas ruas. O trabalho começou há mais de 100 anos no país, quando o governo resolveu unir esforços com as instituições de proteção dos animais. Além de conseguir extinguir os cachorros de ruas, a Holanda também é reconhecida como um dos países mais “pet-friendly”de todo o mundo.

Continua depois da publicidade

O reconhecimento desse marco, inclusive, foi tema de reportagem do Fantástico, na TV Globo. Segundo os dados apresentados pela emissora, a Holanda foi o primeiro país a conseguir um lar para todos os cachorrinhos de rua. Fofo, não é mesmo? E esse trabalho não foi fácil. Isso porque são quase dois milhões de cachorros no território holandês.

Receba notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

Como a Holanda acabou com os cães sem dono

Para entender o resultado, é importante pensar na cultura do próprio país. Os holandeses adoram os pets, principalmente os cachorros. Gostam tanto que é comum ver bares e restaurantes aceitando os animais. Esse amor aos bichinhos foi o primeiro passo para que a estratégia de zerar o número de cachorros de rua desse certo.

Continua depois da publicidade

O segundo passo foi criar um mecanismo de fiscalização que desse certo. Afinal, se há um cachorro na rua, há também um tutor ou um dono por trás do abandono. Por isso, leis de proteção animal foram ficando cada vez mais rígidas no país.

Atualmente, quem maltratar ou negligenciar os animais na Holanda pode pegar até cinco anos de prisão e pode ter que pagar uma multa de 90 mil euros. Em reais, esse valor ultrapassa R$ 500 mil.

Raio-x revela cachorros escondidos em contêiner que iria de SC para a China

Vista de Amsterdam, na Holanda (Foto: Unsplash)

Chip em todos cães garante rastreamento de donos ou responsáveis

Além de estipular multas rígidas – e bem salgadas – para maus-tratos e abandono, a Holanda investiu no rastreamento dos animais por meio da tecnologia. Um chip é instalado atrás da cabeça de todos cachorros, o que faz com que qualquer animal possa ter um dono ou um responsável rastreável.

Continua depois da publicidade

Esse acompanhamento garante que todos os animais possam ter um dono ou um responsável “rastreável”. Se um animal se perder, o dono facilmente será encontrado já que dados como telefone e endereço estão dentro desse chip. E se alguém abandonar um cachorro, também será encontrado. E multado, acredite.

Confira a reportagem completa do Fantástico no Globoplay.

Leia também

Internações por infarto explodem no Brasil; saiba como evitar

Lei da atração existe? Tentamos desvendar a teoria

Destaques do NSC Total