nsc
nsc

Saúde

Consumo de álcool está relacionado diretamente a sete tipos de câncer, aponta estudo

Dados da pesquisa mostram que o consumo de álcool foi responsável por cerca de 500 mil mortes por câncer em 2012

22/07/2016 - 11h17 - Atualizada em: 21/06/2019 - 22h46

Compartilhe

Por Redação NSC
(Foto: )

O resultado de uma pesquisa científica divulgada pela revista científica Addiction nesta quinta-feira, dia 21, revela que o consumo de álcool está relacionado a um aumento no risco de uma pessoa desenvolver sete tipos de câncer. O estudo foi realizado por uma pesquisadora da Universidade de Otago, na Nova Zelândia, e avaliou dados de pesquisas sobre álcool e câncer publicadas nos últimos 10 anos.

Segundo os pesquisadores, até mesmo as pessoas que consomem uma quantidade baixa ou moderada de álcool têm mais chances de adquirir a doença do que aquelas que não bebem. O estudo ressalta que não existe um nível seguro de consumo quando se fala sobre a possibilidade de desenvolver a doença. A ingestão de bebidas alcoólicas está relacionada principalmente ao câncer de boca, garganta, laringe, esôfago, fígado, cólon, intestino e mama.

Leia mais

Café sai da lista de bebidas consideradas cancerígenas

Chimarrão e outras bebidas muito quentes podem causar câncer de esôfago, diz OMS

Comer peixes gordurosos prolonga vida de pacientes com câncer de intestino, sugere estudo

Os pesquisadores também ressaltam que os riscos aumentam expressivamente quando o consumo de álcool é associado ao uso de cigarro.

A análise apontou ainda que mulheres que consomem cerca de duas porções de álcool têm 16% a mais de chance de desenvolver câncer de mama e morrer por causa da doença. Entre as que consomem todos os dias cerca de cinco doses, o risco pode chegar a 40%.

Dados da pesquisa mostram que o consumo de álcool foi responsável por cerca de 500 mil mortes por câncer em 2012, 5,8% do total de mortes por câncer no mundo.

Leia outras notícias do dia

Colunistas