nsc
dc

Crime bárbaro

Corpo enterrado em roça de SC é achado após briga de casal e crime de 2019 é desvendado

Segundo a Polícia Civil, quem denunciou o crime foi o atual companheiro da suspeita, após ela confessar o assassinato em uma discussão

19/11/2021 - 08h48 - Atualizada em: 19/11/2021 - 11h11

Compartilhe

Gabriela
Por Gabriela Ferrarez
Adriano foi dado como desaparecido em setembro de 2019
Adriano foi dado como desaparecido em setembro de 2019. Ossada dele foi localizada nesta quinta-feira.
(Foto: )

A ossada de um homem desaparecido desde 2019 foi encontrada, dois anos depois, enterrada no terreno da ex-namorada, nesta quinta-feira (18). Segundo a Polícia Civil, o caso aconteceu em Palmitos, no Oeste de Santa Catarina. A mulher, de 41 anos, foi presa em flagrante por ocultação de cadáver.

> Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

De acordo com a Polícia Civil, quem denunciou o crime foi o atual companheiro da suspeita, após ouvir a confissão do assassinato em uma briga do casal. O local do corpo foi indicado por ele, em uma roça próximo da casa da mulher, localizada na zona rural do município.

Conforme as autoridades, o cadáver era de Adriano Andre Honef, considerado desaparecido desde 6 de setembro de 2019. Os ossos foram encontrados junto a peças da motocicleta do homem e de outros objetos, que foram reconhecidos pelos familiares. 

A Polícia Civil investiga o caso.

Em setembro de 2019, a família de Adriano chegou a divulgar cartazes nas redes sociais pedindo ajuda para localizá-lo. À época, achava-se que ele estava desaparecido. Veja abaixo: 

Adriano foi dado como desaparecido em setembro de 2019
Adriano foi dado como desaparecido em setembro de 2019
(Foto: )

Leia mais

Quatro pessoas morrem em acidente entre carro e caminhão em Itapoá

Duas pessoas ficam presas às ferragens em acidente na Serra de SC

Suspeitos de tráfico no RS que ostentavam vida de luxo em SC são alvos da polícia

Colunistas