nsc
hora_de_sc

Por pouco

"Dei meu máximo", diz catarinense Taila Santos após derrota para Valentina Shevchenko no UFC

Brasileira perdeu por decisão dividida para russa, que manteve o cinturão e se tornou a campeã mais dominante da organização

12/06/2022 - 11h31 - Atualizada em: 20/06/2022 - 08h23

Compartilhe

Redação
Por Redação Hora
Catarinense fez luta dura contra a campeã russa
Catarinense fez luta dura contra a campeã russa
(Foto: )

Apesar de ter feito uma excelente luta, a catarinense Taila Santos acabou derrotada na noite desse sábado (11) no combate contra a campeã Valentina Shevchenko no UFC 275 em Singapura. Foi a sétima defesa de título da russa na categoria peso-mosca. Com isso ela se torna a lutadora mais dominante na organização, quebrando o recorde que até então dividia com a americana Ronda Rousey.

Receba notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

O resultado da luta mostrou o quanto acirrado foi o combate. Ao final dos cinco rounds, os juízes deram o a vitória para Valentina Shevchenko em decisão dividida: 48-47, 47-48 e 49-46. O resultado, porém, foi vaiado pelo público - que parecia estar apoiando Taila Santos. A catarinense de Jaraguá do Sul, aliás, deixou o octógono bastante aplaudida.

— Dei meu máximo, não vai ser a última vez que vocês me veem lutar pelo cinturão — disse Taila.

Na outra disputa por cinturão envolvendo brasileiro, Glover Teixeira foi destronado do posto de campeão pelo tcheco Jiri Prochazka. O brasileiro segurou bem o combate até o final do quinto round, quando acabou finalizado com um mata-leão, perdendo o cinturão dos meio-pesados (93kg).

Brasileira sofreu ferimentos no combate com a russa

Como foi o UFC 275 em Singapura

Leia mais:

Acusação de estupro contra Cristiano Ronaldo é arquivada nos EUA

Em vídeo, Justin Bieber mostra seu rosto paralisado e explica síndrome

Arthur Aguiar tem seu contrato encerrado com a Rede Globo após o BBB 22

Padrasto suspeito de torturar criança de 3 anos no RS é preso em Palhoça

Ana Maria cai no choro no Mais Você com Daniel: “Dor de cotovelo”

Yasmin Brunet comemora 34 anos em festa com famosos

Colunistas