nsc
santa

Segurança

Delegacia de Blumenau ganha espaço humanizado para acolher vítimas de violência

Salas passaram por obras através de uma ação do Rotary Fritz Müller

15/09/2021 - 16h18 - Atualizada em: 16/09/2021 - 06h26

Compartilhe

Redação
Por Redação Santa
Uma das salas da delegacia se transformou em brinquedoteca para acolher as crianças
Uma das salas da delegacia se transformou em brinquedoteca para acolher as crianças
(Foto: )

A Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (DPCAMI) de Blumenau inaugurou nesta terça-feira (14) um espaço humanizado para as vítimas de violência. O local agora tem uma sala acolhedora e uma brinquedoteca para os pequenos.

> Receba notícias de Blumenau por WhatsApp. Clique aqui e entre no grupo do Santa

Os espaços foram reformados para dar mais dignidade às vítimas que procuram atendimento, explica a delegada Juliana Tridapalli. A ideia saiu do papel graças ao Rotary Fritz Müller, que através de ações solidárias, empresas parceiras e doações conseguiu os mais de R$ 30 mil necessários para a obra.

— É o mínimo que a gente pode disponibilizar para uma pessoa em situação de violência — frisa a delegada.

Sala de atendimento humanizado às vítimas
Sala de atendimento humanizado às vítimas
(Foto: )

O local conta com climatização, conforto e privacidade, o que permite que a vítima se sinta segura para fazer a denúncia mesmo em um momento extremamente difícil. Por dia, a DPCAMI registra em média 25 boletins de ocorrência presenciais.

É bom saber

Desde o fim de julho, a Delegacia de Proteção à Mulher, à Criança e ao Adolescente de Blumenau está em novo endereço. A estrutura passou a funcionar na Rua Dr. Sapelt, 45, no bairro Victor Konder. O atendimento para registro de BO é de segunda a sexta-feira, das 8h às 19h. O telefone para contato é (47) 3329-8829.

Delegacia de Proteção à Mulher está em novo endereço
Delegacia de Proteção à Mulher está em novo endereço
(Foto: )

Leia também

> Blumenau tem mais uma noite de crime. confronto e morte

> Cobra levada a hospital ajuda a salvar criança em Blumenau e serve de alerta

> Vendedor de alfajor em Itajaí ganha curso após ser vítima de ação truculenta de guarda

Colunistas