nsc
    santa

    Velha Grande

    Detentos fazem a limpeza de rua no Morro da Dona Edith, em Blumenau

    Serviço foi autorizado pela Justiça como uma possibilidade de regressão da pena

    20/08/2019 - 19h14 - Atualizada em: 21/08/2019 - 03h35

    Compartilhe

    Gabriel
    Por Gabriel Lima
    Limpeza do meio-fio morro dona edith
    Limpeza nesta terça-feira foi feita na Rua dos Trabalhadores, no bairro Velha Grande
    (Foto: )

    Detentos do regime semiaberto do Presídio Regional de Blumenau começaram na tarde desta terça-feira a limpar o meio-fio da Rua dos Trabalhadores e vias próximas no Morro da Dona Edith, no bairro Velha Grande, em Blumenau. Na sequência, eles também pintarão de branco as estruturas para melhorar o ambiente urbano da comunidade.

    O trabalho tem duração de cinco dias e foi autorizado pelo Departamento Estadual de Administração Prisional (Deap) após permissão do poder Judiciário. O serviço é uma possibilidade de regressão da pena e ressocialização, já que os detentos terão um dia de condenação reduzido a cada três dias trabalhados.

    O comandante do 10º batalhão da Polícia Militar, Jefferson Schmidt, destaca que a iniciativa é inédita e por isso será utilizada como teste. O objetivo é analisar o trabalho dos cinco detentos, número permitido nessa ação, para decidir se em outros serviços será necessário utilizar uma escala maior ou menor de pessoas.

    — A limpeza do meio-fio é necessária para criar um novo cartão de visitas para a comunidade e fazer com que os moradores sintam-se melhores ao chegar lá. Queremos ajudar para que o local se torne mais harmonioso, que aumente a auto-estima da população e não seja propício para a atividade criminosa — ressalta.

    A ação ocorre três meses após o início da "Operação Mãos Dadas", com a ocupação da Polícia Militar no Morro da Dona Edith. Também nesta terça-feira foi lançado o "Programa Estudante Cidadão" na Escola Básica Municipal Conselheiro Mafra, onde estuda a maioria das crianças e adolescentes da comunidade.

    O prefeito Mário Hildebrandt esteve no local nesta terça-feira e reforçou que a Defesa Civil está fazendo um mapeamento nas áreas de risco das casas do Morro da Dona Edith. Outros serviços, que envolvem as áreas de saúde, educação e assistência social, planejam ampliar as ações na comunidade nas próximas semanas.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Polícia

    Colunistas