nsc
an

Pronunciamento

Evento de Natal em Joinville continuou por não haver feridos graves, diz prefeito

Com o desabamento, 33 pessoas foram levadas ao hospital; imagens do incidente repercutiram nas redes sociais

23/11/2021 - 09h38 - Atualizada em: 23/11/2021 - 12h26

Compartilhe

Por Sabrina Quariniri
Mesmo após acidente, evento foi mantido pela prefeitura
Mesmo após acidente, evento foi mantido pela prefeitura
(Foto: )

A repercussão negativa da decisão da prefeitura de Joinville em manter o evento de Natal mesmo após o incidente que deixou 33 pessoas feridas fez o prefeito Adriano Silva (Novo) ir às redes sociais nesta terça-feira (23). 

> Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

O chefe do Executivo justificou a decisão dizendo que houve “respeito e cuidado” e que o espetáculo só foi retomado depois da constatação de que não havia pessoas gravemente feridas.

> Fotos: bombeiros resgatam pessoas que caíram no rio após calçada abrir em Joinville​

Imagens que circularam nas redes sociais na noite desta segunda-feira (22) mostram dezenas de viaturas do Samu, do Corpo de Bombeiros e da Polícia Militar posicionadas no entorno do local onde a galeria desabou. Ao mesmo tempo, do outro lado, luzes iluminavam a prefeitura e milhares de pessoas no entorno acompanhavam o evento. 

O episódio assustou os moradores e virou manchete nos principais jornais do país e colocou Joinville em um dos assuntos mais comentados no Twitter. 

— Era para ser uma noite de puro encantamento e magia. Mas, infelizmente, ela foi interrompida com o desabamento de uma galeria — lamentou o Prefeito.

Após o ocorrido, ele assegurou que o evento foi interrompido para o atendimento aos feridos, que foi realizado pelo Corpo de Bombeiros Voluntários de Joinville e Samu, além do apoio das forças de segurança.

— O espetáculo foi retomado somente depois que todas as pessoas foram atendidas, estavam em segurança e com a constatação de nenhum caso grave. O público presente foi informado o tempo todo sobre o andamento do resgate. Agora que todos estão bem, estamos tranquilos e ficamos à vontade para retomar o tema — destacou.

Relembre o caso

Uma calçada cedeu e várias pessoas caíram no rio Cachoeira durante a abertura do Natal de Joinville. O acidente aconteceu na avenida Beira-rio, próximo do prédio prefeitura e do camelódromo, por volta das 20h10 de segunda-feira. 

Os Bombeiros Voluntários encontraram mais de 30 pessoas dentro do rio após a queda, entre crianças e adultos. Os socorristas, policiais e pessoas que estavam acompanhando o evento ajudaram no resgate das vítimas em um primeiro momento. Em seguida, cordas foram usadas para retirá-las da água.

Por causa do desabamento, 22 adultos e 11 crianças foram encaminhados ao hospital com ferimentos. Apesar do susto e de informações iniciais que citavam vítimas com ferimentos graves, a prefeitura informou nesta manhã que todos já haviam recebido alta

Polícia investiga

Logo após a queda da calçada, equipes plantonistas da Polícia Civil estiveram no local do acidente e, como primeira providência, após o resgate das vítimas, fizeram isolamento da área para garantir a segurança no entorno e a preservação de eventuais provas. O Instituto Geral de Perícias (IGP) também esteve no local, junto à Defesa Civil. 

Desde às 8h, técnicos de perícia dão continuidade ao trabalho, em avaliação que depende também das condições da maré. Ainda hoje, deve ser definida qual delegacia deverá conduzir o inquérito da Polícia Civil sobre o caso para identificar as causas do acidente. 

Leia também

Opinião: Manter festa de Natal em Joinville com pessoas feridas foi um erro de sensibilidade

O que a prefeitura de Joinville alegou para manter evento de abertura do Natal

Vídeo mostra momento em que calçada desaba e pessoas caem no rio em Joinville

Colunistas