O Festival Brasileiro da Cerveja 2022 ocorre em Blumenau entre os dias 4 a 7 de maio. O evento reúne cervejarias de todo o Brasil para mostrar ao público diferentes aromas, sabores e rótulos. 

Continua depois da publicidade

> Receba notícias por WhatsApp. Clique aqui e saiba como

De 4 a 6 de maio, o Festival Brasileiro da Cerveja ocorre das 19h à 1h. No dia 7, último do evento, a programação se estende das 15h às 2h da madrugada, os amantes da bebida podem ir até o Parque Vila Germânica para conhecer a novidade e saborear diferentes produtos.

São mais de 1 mil produtos em todo o evento, trazido por expositores de todo o país e mais de 100 estilos de cervejas artesanais. Neste ano, o festival traz 18 bandas que se apresentam em dois palcos para embalar as noites daqueles que estão no local. Entre os ritmos estão rock, pop, folk, MPB e samba.

A Feira Brasileira da Cerveja também ocorre durante a programação do festival.

Continua depois da publicidade

Ingressos para o Festival Brasileiro da Cerveja 2022

Os ingressos podem ser adquiridos online ou no Parque Vila Germânica durante os dias de evento. Eles são exclusivos para o dia que for comprado e não pode ser trocado após a compra. Um passaporte para todos os dias pode ser comprado no valor de R$48. 

Aqueles que comprarem o ingresso recebem um copo para ser utilizado no local. Confira os valores dos ingressos:

Dias 4 e 5 – R$ 12

Dia 6 – R$ 30

Dia 7 – R$ 36

> Pode beber infectado com Covid-19? Descubra

Quantas cervejarias participam do evento

De acordo com a organização do evento, estão escritas 150 cervejarias com expositores no local e pelo menos 80 marcas.

> Por que o preço da cerveja aumenta; entenda

Programação do Festival Brasileiro da Cerveja 2022

Programação Festival Brasileiro Cerveja 2022
Programação completa do Festival Brasileiro da Cerveja 2022 (Foto: Reprodução)

> Como foi a cerimônia de premiação do Concurso Brasileiro de Cerveja 2022

Continua depois da publicidade

Festival Brasileiro da Cerveja simboliza retomada do setor

O Festival Brasileiro da Cerveja foi, curiosamente, o último evento antes do fechamento de Santa Catarina em março de 2020. Os quatro dias de festival dois anos atrás ocorreram em meio às preocupações e incertezas que ainda existiam quanto à Covid-19. Essa aflição por parte do público, à época, chegou a impactar na quantidade de visitantes: os primeiros dois dias tiveram boa presença, enquanto os dois últimos ficaram aquém da expectativa.

Agora, é justamente o maior evento de cervejeiros artesanais do Brasil o responsável por simbolizar a retomada do setor em lugar tão simbólico quanto: o Parque Vila Germânica. É nos pavilhões conhecidos pela festa da fartura da cerveja em outubro que o público aficionado pela bebida se reunirá de 4 a 7 de maio. As 80 marcas de todo o Brasil participam do evento trazendo diferentes rótulos e receitas premiadas há dois meses durante o Concurso Brasileiro de Cervejas.

A expectativa dos organizadores é de reunir 25 mil pessoas durante os quatro dias do festival. Já dos cervejeiros, o objetivo é reaproximar e celebrar.

— A pequena cervejaria vai voltar a conviver com o consumidor final, trocar experiências, bater papo. A essência da (cervejaria) artesanal não é só comercializar. Está no relacionamento, na troca de informações. Eventos como esse são essenciais para esse mercado, caso contrário a gente vai voltar no tempo. Lembra quando tínhamos só cerveja clara ou escura no mercado? Não é isso que queremos, por isso a importância fortalecimento das artesanais — afirma o presidente da Associação Vale da Cerveja e sócio da Cerveja Blumenau, Valmir Zanetti.

Continua depois da publicidade

Para quem estreia no festival, o momento é de ansiedade e alta expectativa:

— É nossa primeira vez e sabemos que o festival vai bombar. Os eventos de cerveja, o de Timbó, de Brusque, da Rua das Palmeiras, nos mostraram que o público quer aproveitar a cerveja artesanal. E nós queremos aparecer, queremos o marketing que o festival proporciona — finaliza Gustavo Kielwagen, sócio-fundador da Omas Haus.

Pode beber depois da vacina? Assista ao vídeo e descubra

Você também pode querer ler

Melhor cerveja do Brasil em 2022, rótulo de Blumenau recebe prêmio em concurso europeu

Pode beber depois de tomar a vacina

SC tem 14 cervejas entre as melhores do mundo em 2021; veja a lista

Destaques do NSC Total