nsc
santa

Investigação

Filhos encontram a mãe morta a facadas em SC e polícia suspeita de feminicídio

Crime ocorreu na madrugada deste domingo (7), em Presidente Getúlio

07/11/2021 - 07h58

Compartilhe

Talita
Por Talita Catie
A mulher levou vários golpes a faca e não resistiu
A mulher levou vários golpes de faca e não resistiu
(Foto: )

Uma mulher foi assassinada na madrugada deste domingo (7) em Presidente Getúlio, no Alto Vale do Itajaí. Os filhos encontraram a mãe sangrando e chamaram o socorro, mas ela não resistiu aos ferimentos. A Polícia Civil acredita que seja um caso de feminicídio, entretanto ninguém foi preso até o momento.

> Receba notícias de Blumenau e região direto no Whatsapp.

O crime ocorreu no bairro Pinheiro Alto, na própria residência da vítima. Quando os bombeiros chegaram ao local, pouco depois da meia-noite, Edna Palhano, de 34 anos, já estava sem vida. Conforme os socorristas que atenderam a ocorrência, ela levou vários golpes de faca no peito e no braço.

De acordo com o boletim da Polícia Militar, o crime ocorreu no quarto da vítima, que dormia ao lado da caçula, de apenas 5 anos. O filho mais velho, de 15 anos, foi quem teria ouvido o baruho e encontrou a mãe ferida na cama. Com base nas marcas de sangue, a PM acredita que o agressor saiu da casa pela porta dos fundos e pulou uma cerca.

Edna tinha 34 anos e deixa dois filhos
Edna tinha 34 anos e deixa dois filhos
(Foto: )

A principal linha de investigação da Polícia Civil sugere que o crime foi cometido pelo ex-marido da vítima, que é o pai das crianças que estavam na casa. A investigação deve esclarecer os fatos. 

De acordo com pessoas próximas de Edna, ela estava separada há cerca de seis meses, mas ainda dividia a mesma casa com o ex-marido. Ele não aceitava o fim do relacionamento. Há uns 20 dias teria deixado de residir com a mulher e os filhos. 

— Era uma pessoa boa, sempre sorrindo, nunca fazia mal a ninguém — relembra bastante abalado Mikael Rodrigues Palhano. 

Leia também

> Mais de 170 mulheres denunciam casos de violência doméstica por dia em SC

> Morte de Marília Mendonça em acidente de avião: tudo que se sabe sobre o assunto

> Com 12 regiões em risco moderado, SC tem o melhor cenário na pandemia

Colunistas