O companheiro de Jacirlene dos Reis Santos da Cruz, que estava foragido da Justiça, foi preso nesta sexta-feira (26) na Bahia. O homem, de 30 anos, é apontado como autor do assassinato da jovem de 26 anos que estava grávida do segundo filho. Jacirlene morreu asfixiada e seu corpo foi encontrado no dia 7 de abril em Palhoça, na Grande Florianópolis.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Grande Florianópolis pelo WhatsApp

O suspeito do crime estava há quase dois meses foragido e era procurado pela Polícia Civil de Santa Catarina. Ele foi preso em território baiano, mas a delegada Gisele Jerônimo, da Delegacia de Proteção à Criança, ao Adolescente, à Mulher e ao Idoso (DPCAMI), não repassou detalhes da ação que resultou na prisão.

Ainda não há informações sobre a possível transferência do homem da Bahia para Santa Catarina, mas os policiais estiveram avaliando a situação nesta segunda-feira (29), conforme a delegada.

Jacirlene dos Reis Santos da Cruz foi morta por esganadura e encontrada com sinais de violência pelo corpo na manhã de 7 de abril. O crime aconteceu no bairro Aririú da Formiga, por volta das 9h, em Palhoça.

Continua depois da publicidade

Segundo as investigações, a jovem morava com o namorado há alguns meses. Ela estava grávida e deixa um filho de 6 anos.

Júri condena homem por matar ex-esposa na frente da filha e burlar medida protetiva em SC

Veja o vídeo sobre violência contra mulher:

Leia também

Discussão em posto de combustíveis termina com tiros e um ferido em Palhoça

Marido que matou enfermeira é condenado a 15 anos de prisão em Florianópolis

Destaques do NSC Total