Os 11,4 milhões de habitantes fazem de São Paulo a maior cidade do Brasil — e das Américas, vale destacar. Mas antes da explosão populacional que fez com que a capital paulista passasse o Rio de Janeiro como a com mais habitantes no país (em 1960), o cenário era bem diferente dos dias atuais. As fotos do passado que você confere abaixo, porém, mostram algumas correlações com o presente. Em 1950, por exemplo, a selva de pedra já existia no Centro e em 1970 os carros já tomavam conta das ruas em longos e longos congestionamentos.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de SC por WhatsApp

Veja fotos antigas de São Paulo

Só para se ter ideia do “boom” populacional, a capital paulista nem sequer estava entre as 10 mais populosas do Brasil no Censo Demográfico de 1890. À época, São Paulo tinha somente 64 mil habitantes, menos do que Juiz de Fora (72,4 mil), Recife (111,5 mil) e muito menos do que o Rio de Janeiro, que tinha meio milhão de moradores naquele ano. De lá para cá, porém, o município viu a quantidade de moradores saltar. No Censo de 1900, por exemplo, já eram 240 mil habitantes, um crescimento percentual de 270% — o maior da história.

Evolução populacional de São Paulo por Censo

São Paulo começou a ser colonizada em 1532 quando Martim Afonso de Souza fundou a Vila de São Vicente (hoje Baixada Santista). Em busca de novas pessoas para evangelizar, um grupo de jesuítas desbravou a Serra do Mar e chegou até o Planalto de Piratininga onde fundaram um colégio em 1554, ao redor do qual se iniciou a construção das primeiras casas, dando origem ao povoado de São Paulo de Piratininga.

Continua depois da publicidade

Nos primórdios, São Paulo vivia da agricultura de subsistência, depois da implantação da lavoura de cana-de-açúcar e também sonhava com a descoberta do ouro e dos metais preciosos. As viagens ao interior do país – Bandeiras – eram expedições organizadas para procurar pedras e metais preciosos nos sertões distantes.

De São Paulo, partiam as Bandeiras ao longo de todo século XVIII. A virada aconteceu na passagem para o século 19, quando as plantações de café substituíram as de cana-de-açúcar para ocupar o primeiro plano da economia nacional.

A expansão da cultura do café fez com que as estradas de ferro se multiplicassem. O mesmo período também foi marcado pela vinda de imigrantes em massa para substituir a mão-de-obra nas plantações de café, com o fim da abolição da escravatura em 1888.

A importância de São Paulo na expansão cafeeira e do gado em Minas Gerais fez surgir a conhecida “política do café-com-leite” quando paulistas e mineiros se revezavam na Presidência da República.
São Paulo é um dos estados da região Sudeste e tem por limites Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Mato Grosso do Sul e o Oceano Atlântico. Possui 645 municípios e sua área total é de 248.219,627 km².

Continua depois da publicidade

Leia também

Fotos revelam como era o Beto Carrero antes de se tornar o 2º maior parque temático do mundo

Como era Balneário Camboriú no passado? Fotos surpreendem ao revelar uma pacata cidade

Destaques do NSC Total