O Grupo de Resgate em Montanha (GRM) encerrou as buscas por Reinaldo Kroessin, de 74 anos, que está desaparecido desde a madrugada de terça-feira (2), após fugir da internação do Hospital Regional Hans Dieter Schmidt de Joinville. As buscas completaram quase uma semana nesta segunda-feira (8).

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Joinville e região no WhatsApp

Equipes do Corpo de Bombeiros Militar de Blumenau e Itajaí, junto com o GRM, atuaram na procura pelo idoso desaparecido, com o auxílio de cães, em meio à mata fechada. Ainda, equipes de outras cidades chegaram para ajudar com um efetivo maior e mais dois cães farejadores, sendo um deles que já atuou em Brumadinho (MG). Cerca de 25 pessoas fizeram parte das ações.

Siga as notícias do NSC Total pelo Google Notícias

Veja fotos das buscas

Continua depois da publicidade

De acordo com Michel Corrêa, diretor operacional do Grupo de Resgate em Montanha, por ter completado quase uma semana desde que o idoso desapareceu, as equipes devem encerrar as buscas.

— As buscas se dão até sete dias. Após isso, é entregue para a Polícia Civil para fazer o processo de investigação. A gente está ainda verificando algumas imagens aqui com ajuda do Detrans, que tem acesso às imagens das ruas próximas, mas a princípio só vamos colocar a equipe em área de mata se tiver uma nova evidência que realmente comprove que ele está naquela região — afirma Michel.

Durante as buscas na mata, já foram encontrados rastros de sangue e um chinelo. Mesmo assim, de acordo com Michel Corrêa, é possível que o idoso não esteja no local.

Desaparecimento de idoso em Joinville supera 72h e mobiliza equipes nas buscas em floresta

— Onde a gente encontrou o chinelo dele e as primeiras evidências é bem no comecinho da trilha, cerca de 50 metros. Fizemos uma varredura com mais de dois quilômetros para dentro e não encontramos nada. Então é possível que realmente ele não esteja neste local — explica.

Continua depois da publicidade

A reportagem do A Notícia entrou em contato com a Polícia Civil, que retornou que seguem em análise as informações colhidas e que busca novos elementos para a investigação.

O desaparecimento

O idoso foi internado em 28 de julho, no Hospital Regional Hans Dieter Schmidt de Joinville por conta de uma falta de ar e dificuldade para urinar. Após três dias de internação, o homem fugiu da unidade por volta das 0h40min na terça-feira (2). Segundo a família, imagens de segurança mostraram o homem saindo pela porta dos fundos do hospital.

Reinaldo foi visto pela última vez no bairro Boa Vista, nas imediações do Hospital Regional Hans Dieter Schmidt. Ele vestia calça de moletom cinza e uma jaqueta escura. Caso você o encontre, pode acionar a Emergência da Polícia Militar pelo telefone 190 ou, também, a Polícia Civil pelo telefone (48) 3665-5595 ou WhatsApp (48) 99132-3685 e (48) 98844-0011.

Confira a nota do Hospital Regional Hans Dieter Schmidt

A direção do Hospital Hans Dieter Schmidt informa que o paciente citado evadiu-se ontem (02/07) da ala A, próximo da meia-noite, após apresentar agitação e confusão. Ele foi visto pela última vez trajando calça azul clara e jaqueta cinza, no corredor de serviços. Foram realizadas buscas internas e nas redondezas, e registrado boletim de ocorrência junto à polícia. O Grupo de Resgate em Montanha (GRM), vinculado à Defesa Civil de Joinville, também foi acionado para auxiliar na localização. As equipes do hospital continuam mobilizadas à procura do paciente e em apoio à família. Para mais informações, sugerimos o contato com a polícia e familiares.

Continua depois da publicidade

*Sob supervisão de Leandro Ferreira

Leia também

Novos modelos de luxo da BMW, incluindo versão elétrica, são apresentados em Joinville

Acusados de matar homem e atirar em irmão são condenados em até 36 anos de prisão em Joinville

Conheça a coelha gigante de SC que entrou no pódio das mais pesadas do Brasil

Destaques do NSC Total