nsc
nsc

NetBet apresenta

Guia Introdutório de Apostas Esportivas: O que são? Trading Esportivo? Entenda

Guia prático sobre como funciona o mercado do segmento que mais cresce dentro dos esportes: as apostas

22/09/2020 - 09h04

Compartilhe

Estúdio
Por Estúdio NSC
NETBET APRESENTA
(Foto: )

Em dezembro de 2018, o Governo Federal sancionou a Lei 13.756/2018, autorizando o Ministério da Fazenda a elaborar regras para o licenciamento da exploração de apostas esportivas de cota fixa no país. Hoje, há uma flexibilização: as empresas relacionadas localizaram seus websites de apostas esportivas em português do Brasil e um dos resultados é que 14 dos 20 clubes da Série A do Brasileirão já têm parcerias com marcas de apostas esportivas. Afinal, o que são as apostas esportivas que estão crescendo tanto no país?

Provavelmente, você nunca ouviu falar em trading esportivo, mas pode acreditar, existem muitas pessoas pelo mundo ganhando dinheiro durante aqueles eventos esportivos que você costuma assistir no conforto do seu sofá. Essa informação pode até deixar alguns confusos, mas calma! Aqui você vai ter um guia completo e vai conseguir entender, de forma muito mais simples, o mercado de apostas esportivas.

Para começar a entender melhor os meandros das apostas esportivas, é necessário te introduzir a figura do “trader”. Um trader esportivo é um investidor que busca ganhar dinheiro com operações de curto prazo - basicamente, busca ganhos financeiros realizando compra e venda de opções no mercado esportivo. O ato da negociação das opções no mercado esportivo, chama-se “trading”, o trading é a modalidade mais lucrativa de apostas que existe, tendo obtido números excepcionais, tanto em termos de popularidade, quanto em número de profissionais.

O que é trading esportivo?

O trading esportivo nada mais é do que uma negociação de probabilidades durante determinado evento esportivo, ou seja, dentro de cada partida (partidas de futebol, basquete, vôlei, etc) existem pessoas comprando e vendendo as possibilidades envolvidas nesses eventos.

São inúmeras as opções possíveis dentro de uma mesma partida, no futebol, por exemplo: vitória do time A, vitória do time B, quantos gols vão acontecer na partida, até mesmo quantos cartões vermelhos irão sair para cada time.

Dentro de cada opção negociada, existe uma cotação da mesma, que pode variar de acordo com o risco envolvido. O risco sempre tem haver com a probabilidade! Se um evento é altamente improvável de acontecer, ele sempre vai ter uma rentabilidade maior para o apostador.

Todo trader é um apostador, mas nem todo apostador é um trader

Essa informação, apesar de parecer difícil um pouco complexa de primeira, é de total importância para o entendimento do assunto. Basicamente, é fundamental que você perceba essa diferença, pois dentro do mercado de apostas esportivas, existem dois métodos de trabalho essencialmente diferentes:

O primeiro modelo de trabalho é o clássico apostador, chamado tecnicamente de “Punter”. Esse método é mais comum, isto é, o investidor escolhe uma aposta, define o valor que deseja investir e aguarda o resultado final da partida. Se ele acertar a aposta, recebe o prêmio.

Ao contrário do que muita gente pensa, contudo, o apostador profissional não aposta em opções que ele acha que vai acontecer, mas sim, busca encontrar assimetrias em relação às opções que ele acredita, principalmente quando as probabilidades oferecidas forem menores do que as probabilidades reais para um evento.

A diferença de apostador e trader é que o apostador precisa acertar seu palpite para ganhar dinheiro. Logo, ele depende do resultado final do jogo para saber se o seu resultado financeiro foi positivo. Já no trading esportivo, essa dependência é inexistente. Como você pode “comprar” e “vender” as cotações ao longo do jogo, o foco do lucro está na variação das possibilidades. O resultado final do confronto pouco importa nessa abordagem.

Como funciona o mercado?

O mercado de apostas funciona de forma muito parecida com o mercado financeiro, especialmente com o mercado de capitais (compra e venda de ações). Existe uma Bolsa Esportiva, nela são negociadas as opções possíveis para se executar uma aposta.

Pode parecer complicado em um primeiro momento, mas pense na Bolsa de Valores: para que se ocorra uma negociação, é preciso haver um comprador e um vendedor, isto é, para você comprar uma ação precisa ter alguém querendo vendê-la no mesmo preço. O trabalho do trader, na Bolsa de Valores, é traçar a melhor estratégia entre o valor de compra de uma opção e o valor de venda.

Dentro da Bolsa Esportiva, é a mesma coisa: Um trader esportivo vai buscar uma relação lucrativa entre compra e venda de opções. De forma resumida o trader é, em sua essência, um especulador do que vai acontecer em uma determinada partida.

Como e onde começar a investir?

Para começar, escolha um esporte em que você tenha um bom conhecimento, evite apostar em algo que você não tenha o costume de acompanhar assiduamente. É simplesmente uma questão de lógica, quanto mais você tiver a familiaridade com o conteúdo, mais acurados serão seus prognósticos e melhores serão seus resultados.

Outra dica importante: verifique a rentabilidade do jogo. Como assim? Ora, procure jogos mais populares, com maior apelo de público. Lembre-se que quanto maior o número de apostadores, maiores serão os valores das apostas.

Deixe sempre a paixão de lado, analise as variáveis: como está o desempenho do time, quais os jogadores irão participar da partida, onde o jogo acontecerá, etc. Seja criterioso, use a cabeça e não esqueça que tem dinheiro seu em jogo.

Por último, mas não menos importante, escolha um site confiável para começar os seus investimentos, a NetBet, um dos cassinos online de longa data, é uma marca renomada patrocinadora de alguns times nacionais como Vasco da Gama e Red Bull Bragantino, ou do lutador de MMA Júnior Cigano. A Betway, outra marca, é patrocina times de esports e é uma das casas online de apostas mais usadas na europa. Procure sempre estar do lado de marcas que “mostram a cara” por aí e tem uma boa reputação de longa data, que a dor de cabeça deve ser praticamente nula nesse quesito e você poderá se concentrar no que realmente importa.

Este conteúdo é de responsabilidade do anunciante.

Colunistas