Uma influenciadora brasileira relatou que passou por momentos de ansiedade quando soube do terremoto que atingiu a Turquia nesta segunda-feira (6). Karine Pancier, de 30 anos, está de férias no Brasil, mas ficou preocupada com o namorado e a sogra que ficaram em Istambul. Os dois sentiram os tremores, mas não se feriram.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

— Quando eu soube da notícia, era em torno de 23 horas no Brasil e 5h da manhã na Turquia. Eu fiquei muito preocupada e enviei mensagens para meu namorado e minha sogra. Ambos não responderam, provavelmente por ser de madrugada e estarem dormindo — contou a brasileira.

— Tive uma crise de ansiedade, nesses momentos só imaginamos que aconteceu algo ruim. Mas, hoje de manhã, acordei com mensagens deles e estava tudo bem — afirmou a jovem.

Karine está passando férias no Brasil desde dezembro, mas mora no país euro-asiático há dois anos. O namorado, Çağatay Tunç, é turco e desembarca em Florianópolis na sexta-feira (10). No fim de fevereiro, eles voltam para Istambul.

Continua depois da publicidade

Não há informação de brasileiros mortos após terremoto na Turquia, afirma Itamaraty

— A porta de vidro da minha sacada [na Turquia] quebrou pelos fortes ventos e neve, mas está tudo bem — relatou Karine, que vive na capital, distante do epicentro dos tremores de terra.

Terremoto na Turquia

O terremoto de magnitude 7,8 atingiu uma cidade na região central da Turquia, perto da fronteira com a Síria. Mais de 3 mil mortes foram confirmadas até a última atualização da matéria.

VÍDEO: Imagens mostram momento que prédio desaba em terremoto na Turquia

Segundo o Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS), o tremor foi tão forte quanto um registrado no país em 1939 e que vitimou mais de 30 mil pessoas.

A Turquia é uma das zonas de terremotos mais ativas do mundo. Até a última atualização desta reportagem, milhares de pessoas ainda estavam desaparecidas.

Continua depois da publicidade

Destaques do NSC Total