João Amoêdo, um dos fundadores do Novo, anunciou nesta sexta-feira (25) que se desfiliou do partido.

Continua depois da publicidade

Receba notícias do DC via Telegram

“Hoje, com muito pesar, me desfilio do partido que fundei, financiei e para o qual trabalhei desde 2010.
Deixo um agradecimento especial a todos que fizeram parte desse time que com dedicação, humildade e determinação transformaram em realidade o que parecia ser impossível”, escreveu em rede social.

Amoedo foi suspenso pela legenda após declarar voto em Lula no segundo turno das eleições. Na ocasião, o empresário disse ter recebido a notícia com surpresa e indignação.

Confira a publicação de João Amoedo sobre sua saída do partido Novo

Leia também

Moisés abre espaço para Jorginho propor emendas no orçamento

Homem que invadiu escolas e deixou três mortos e 11 feridos no ES é preso

A promessa de Jorginho ao MP que contraria Bolsonaro

Destaques do NSC Total