nsc
an

Vacina

Joinville abre 4 mil vagas para vacinação contra a Covid-19 para adolescentes; veja quem pode agendar

Vagas são destinadas para jovens com comorbidades ou que façam parte de algum grupo prioritário; confira as idades

10/09/2021 - 10h36 - Atualizada em: 10/09/2021 - 10h42

Compartilhe

Por Sabrina Quariniri
Vagas são destinadas para jovens com comorbidades ou que façam parte de algum grupo prioritário
Horários serão disponibilizados na tarde desta sexta-feira
(Foto: )

A Prefeitura de Joinville está disponibilizando 4 mil horários para vacinação contra a Covid-19 para adolescentes com idades entre 12 e 17 anos do município. As vagas serão abertas a partir das 18 horas desta sexta-feira (10) e são destinadas para jovens com comorbidades ou que façam parte de algum grupo prioritário, previsto no Plano Nacional de Imunização (PNI).

> Receba notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

O agendamento será realizado por meio do site da Prefeitura de Joinville e a aplicação das doses será entre sábado (11) e segunda-feira (13), nas Centrais de Imunização do Centreventos Cau Hansen e da Tupy.

Para receber a vacina, os adolescentes precisam estar acompanhados por um responsável, apresentar documento de identificação com foto e também um comprovante que pertencem ao grupo prioritário.

Quem pode vacinar

Neste momento, estão contemplados os adolescentes com idade entre 12 e 17 anos que sejam gestantes, puérperas, lactantes, com deficiência permanente ou com comorbidade.

Os adolescentes com deficiência permanente devem apresentar algum dos seguintes documentos que comprove a condição: comprovante do Benefício de Prestação Continuada (BPC), laudo médico, cartão de gratuidade do transporte público ou documento de atendimento de centro de reabilitação.

As condições consideradas como comorbidades no PNI são: anemia falciforme, talassemia maior, diabetes mellitus, doença cerebrovascular, doença neurológica crônica, doença renal crônica, doença cardiovascular, fibrose cística, hipertensão arterial, doença imunossupressora, obesidade mórbida (IMC maior ou igual a 40), doença oncológica, pneumopatia grave ou Síndrome de Down. Adolescentes transplantados também estão contemplados neste grupo.

Doses de reforço

A partir da próxima semana, a Secretaria da Saúde também vai iniciar a aplicação da dose de reforço nos atendidos em Instituições de Longa Permanência para Idosos (ILPIs), que receberam a segunda dose de vacina há mais de seis meses. Ao todo, cerca de 1,8 mil pessoas serão vacinadas com a terceira dose neste primeiro momento.

Leia também

Polícia prende integrantes de grupo criminoso que invade e revende terrenos em Barra Velha

Homem fica ferido após bater motocicleta em retroescavadeira na BR-280, em Araquari

Justiça negou liminar contra a reforma da Previdência de Joinville horas antes da votação

Aliado de Bolsonaro, João Rodrigues diz que fechar STF é "maluquice" e admite risco de impeachment

Abastecimentos de postos em SC normalizam até sábado, diz Sindipetro

Colunistas