nsc
an

Resgate inusitado

Lagarto é resgatado dentro do motor de carro da Prefeitura de Jaraguá de Sul; veja o vídeo

Imagens mostram animal correndo atrás de biólogo que fez o resgate

21/09/2021 - 09h02 - Atualizada em: 21/09/2021 - 09h06

Compartilhe

Por Sabrina Quariniri
Resgate inusitado foi filmado por profissionais do Caps de Jaraguá do Sul
Resgate inusitado foi filmado por profissionais do Caps de Jaraguá do Sul
(Foto: )

Um lagarto adulto da espécie Teiú foi resgatado pela Fundação Jaraguaense de Meio Ambiente (Fujama) dentro do motor de um carro da Prefeitura de Jaraguá do Sul. O fato inusitado aconteceu na tarde de segunda-feira (20), no bairro Vila Nova.

> Receba notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

De acordo com o biólogo Christian Raboch, que trabalha na fundação e fez o resgate do animal, funcionários do Centro de Atenção Psicossocial (Caps), localizado na rua Martim Stahl, contaram que o veículo estava ligado quando viram o réptil subindo no capô do carro e, em seguida, entrando no motor. 

- Não sei se ele se assustou ou o que pode ter acontecido [para entrar no motor]. Mas daí desligaram o veículo e chamaram o resgate - conta Raboch.

Biólogo corre do lagarto após abrir a caixa de transporte
Biólogo corre do lagarto após abrir a caixa de transporte
(Foto: )

As cenas do resgate foram registradas pelos funcionários do Caps, assim como a soltura do lagarto em uma área de mata. O biólogo conta que o animal não estava ferido e foi colocado dentro de uma caixa de transporte para devolvê-lo à natureza. No entanto, quando o recipiente foi aberto, o lagarto correu atrás de Raboch.

- Ele correu atrás de mim e todo mundo correu dele. Geralmente é um animal calmo, mas pode bater com o rabo e machucar ou morder - explica.

Isso pode explicar as risadas ao fundo do vídeo e as imagens ofuscadas ao final. O biólogo definiu esta captura como “um perrengue fora do comum”. Apesar do susto, ninguém foi ferido pelo animal e ele voltou para seu habitat natural em segurança. 

Após o resgate, animal foi devolvido para a mata
Após o resgate, animal foi devolvido para a mata
(Foto: )

Na semana passada, o profissional já havia resgatado uma cobra de 1,5 metro em uma área anexa à casa de um morador do município.

Por que isso ocorre

Nesta época do ano, conforme Raboch, quando o clima começa a esquentar, é comum que répteis comecem a aparecer em busca de alimentos e parceiros para reprodução.

- No inverno, elas ficam entocadas esperando o tempo esquentar. Agora, a temperatura está mais quente e, consequentemente, esquenta o metabolismo dos animais. Aí elas começam a sair das tocas. Por isso, aparecem na casa das pessoas.

Caso um lagarto ou uma cobra apareça na residência, a orientação de Raboch é de que o morador mantenha a calma, prenda cães e gatos, por segurança dos animais domésticos e dos silvestres, e peça auxílio dos órgãos municipais responsáveis pelo resgate, como a Fujama, que atua em Jaraguá do Sul.

Leia também

> Jovem é preso suspeito de estuprar a irmã de 6 anos em Rio Negrinho

> Morte de bebê de 3 meses é investigada pela polícia em Garuva

> JEC quer torcida na Arena para enfrentar o Uberlândia pela Série D

Colunistas