A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) amanheceu com as entradas do bairro Carvoeira, Trindade e Pantanal, em Florianópolis, bloqueadas nesta quinta-feira (16). O fato acontece devido à greve geral deflagrada por professores, estudantes e técnicos administrativos. Até o momento, não há previsão para liberação.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp 

Devido ao bloqueio, algumas linhas de ônibus que transitam pela UFSC sofreram alteração no itinerário. Segundo o Consórcio Fênix, responsável pela operação do transporte coletivo na Capital, os veículos seguirão temporariamente pelas vias principais no entorno da universidade, sem entrar pela UFSC.

Confira as linhas de ônibus afetadas

  • 135 – Volta ao Morro Norte via Lauro Linhares
  • 138 – Volta ao Morro Sul via Lauro Linhares
  • 180 – TITRI – Pantanal via Carvoeira 
  • 470 – Tapera/ TITRI
  • 847 – TIRIO/ TITRI via UFSC 

Continua depois da publicidade

Veja as fotos

Segundo a UFSC, o Restaurante Universitário (RU) não será afetado. Os estacionamentos dos Centros de Ensino também continuam abertos e foram utilizados como alternativa de acesso pela comunidade. Até às 9h desta quinta-feira, não havia ocupações nos edifícios da UFSC. O NSC Total entrou em contato com a universidade, que afirmou que ainda não há um posicionamento oficial.

O movimento grevista é organizado pelo Sindicato de Trabalhadores em Educação das Instituições Públicas de Ensino Superior do Estado de Santa Catarina – SINTUFSC, Sindicato dos Professores das Universidades Federais de Santa Catarina (Apufsc-Sindical) e Diretório Central dos Estudantes Luís Travassos (DCE).

Leia mais

Estudantes da UFSC aderem à greve, e governo federal faz nova proposta aos professores

Professores da UFSC entram em greve nesta terça-feira

UFSC é eleita segunda melhor universidade federal do Brasil, segundo ranking internacional

Destaques do NSC Total