nsc
hora_de_sc

publicidade

TV

Mário Motta: confira em fotos a trajetória do apresentador que estará na bancada do JN

No próximo sábado, 30, o comunicador estará na bancada do telejornal ao lado de Lidia Pace, do Rio Grande do Norte

26/11/2019 - 16h49 - Atualizada em: 26/11/2019 - 16h57

Compartilhe

Por Janaína Laurindo
Com Eliana Macedo em sua estreia no filme Maria 38.
(Foto: )

Apresentando o Jornal do Almoço há 33 anos, o apresentador Mário Motta celebra o convite de apresentar o Jornal Nacional, como parte das comemorações dos 50 anos do telejornal. Mário estará neste sábado, 30, ao lado de Lidia Pace, do Rio Grande do Norte. Mário Motta é o segundo representante de Santa Catarina na apresentação do JN, já que em outubro Fabian Londero apresentou o telejornal.

O destaque nacional é mas que merecido, como estão destacando os colegas de trabalho e a família. A trajetória de Mário nas telas começou quando ele tinha apenas 7 anos de idade, em 1959, quando participou do filme Maria 38, dirigido e produzido por Watson Macedo.

Mário nasceu em São Paulo, na cidade de Santo André, no ano de 1952. Foi no Circo Motinha e Nhá Fia, dos seus pais, onde viveu bons momentos na infância.

(Foto: )

Aos quatro anos de idade ganhou espaço no espetáculo, e ao lado do irmão formava a dupla de palhaços: Pernalonga e Esticadinho.

Leia também: VÍDEO: Mário Motta fala sobre sua participação no Jornal Nacional

(Foto: )

Seu carisma era reconhecido em todos os locais em que passava.

(Foto: )

Na década de 60, o apresentador, de forma intuitiva, começou seu envolvimento com o rádio. O pai, que já havia vendido o circo, começou a trabalhar na Rádio Piratininga — apresentando o programa No Tempo do Motinha — e o jovem Mário Motta foi convidado para fazer um teste, iniciando sua trajetória atrás do microfone.

(Foto: )

Paralelo ao trabalho na rádio, Mário se formou educador físico, chegando a lecionar na área. Foi assim que chegou ao estado de Santa Catarina. Veio para Lages. Conseguiu um emprego como educador físico e foi contratado pela rádio Princesa. Na década de 80, depois de passar um período em São Paulo, Mário retornou para o Estado, dessa vez para estrear no telejornalismo da TV Planalto.

Com Mariza Helena Bunn apresentando o telejornal Panorama
(Foto: )

Na Rádio Clube, com o jornalismo popular, fez sucesso entre os ouvintes com o programa ‘A Hora da Corneta’, onde a comunidade tinha participação ativa. Sendo líder de audiência. Pouco tempo depois, Mário mudou-se para Florianópolis e começou sua história dentro da NSC TV.

Leia também: Mário Motta vai apresentar o Jornal Nacional deste sábado

Com Luiz carlos Prates, Cacau Menezes, Maria Odete Olsen e J.B. Telles em uma apresentação do Jornal do Almoço.
(Foto: )

Logo nos primeiros meses passou a ocupar a bancada do Jornal do Almoço, função que ocupa até hoje. Criou uma personalidade no seu trabalho e fora das telas fez amigos que agora celebram o convite e o reconhecimento de todos esses anos dedicados ao jornalismo.

(Foto: )

Leia as últimas notícias do NSC Total

Ainda não é assinante? Assine e tenha acesso ilimitado ao NSC Total, leia as edições digitais dos jornais e aproveite os descontos do Clube NSC.

Deixe seu comentário:

Últimas notícias

Loading interface... Todas de Entretenimento

publicidade

Colunistas

    publicidade

    publicidade

    publicidade