nsc
dc

Coronavírus

Média móvel de mortes por Covid-19 segue em alta de 26% no Brasil

Índice de casos também interrompeu queda mais acentuada que vinha apresentando desde fevereiro

02/05/2022 - 06h55

Compartilhe

Folhapress
Por Folhapress
Internação Covid-19
Dados de casos e mortes foram atualizados para 19 estados
(Foto: )

O Brasil registrou 16 mortes por Covid e 6.143 casos da doença, neste domingo (1º). Com isso, o país chega a 663.567 mortes e 30.449.740 casos registrados de Covid-19 desde o início da pandemia.

Receba notícias do DC via Telegram

Os dados de casos e mortes foram atualizados para 19 estados; 12 não registraram nenhuma morte nas últimas 24 horas.

A média móvel de mortes é de 124. O número representa um aumento em 26%, em comparação à média móvel das últimas duas semanas, o que indica uma alta no indicador pelo terceiro dia seguido.

Vale destacar que, na última quarta (27), o Rio de Janeiro registrou 85 mortes referentes ao ano de 2020, o que afeta a média desta semana. Além disso, feriados, como o que ocorreu no fim da semana passada, costumam causar atrasos de notificação e consequentemente represamentos de dados e algum grau de flutuação nas médias.

De toda forma, a média móvel de casos também interrompeu as quedas mais acentuadas que vinha apresentando desde fevereiro. Ela agora é de 14.906, ou seja, 5% maior do que a média registrada há duas semanas.

O recurso estatístico que busca amenizar variações nos dados, como os que costumam acontecer aos finais de semana e feriados, é calculado pela soma das mortes dos últimos sete dias e pela divisão do resultado por sete.

Os dados do país, coletados até 20h, são fruto de colaboração entre Folha, UOL, O Estado de S. Paulo, Extra, O Globo e G1 para reunir e divulgar os números relativos à pandemia do novo coronavírus.

> OMS decide manter classificação da Covid-19 como pandemia

As informações são recolhidas pelo consórcio de veículos de imprensa diariamente com as Secretarias de Saúde estaduais.

O consórcio de veículos de imprensa deixou de atualizar os números de vacinados contra a Covid-19 nos fins de semana e feriados. Nos dias úteis, os dados serão atualizados normalmente. A medida visa evitar imprecisões nos números informados ao leitor.

A mudança, que estreou no último dia 15 de abril, deve-se a problemas na consolidação dos dados de vacinação pelas secretarias estaduais. Sete estados já não atualizam o total de vacinados aos fins de semana e feriados, e mesmo os que o fazem por vezes informam números desatualizados, que não correspondem à realidade e costumam ser corrigidos nos dias seguintes.

Não há alteração no balanço de casos e mortes pelo coronavírus, que continuará sendo publicado pelos veículos todos os dias, às 20h.  

Leia também

FOTOS: Lula e Bolsonaro participam de atos do Dia do Trabalhador

Como avô soube que a neta era uma das vítimas da chacina de Saudades

Defesa de Silveira pede arquivamento de ação no STF

Colunistas