nsc
an

Insetos

Moscas invadem casas de Joinville e prefeitura identifica infestação; veja imagens

Segundo o município, uma granja instalada nas proximidades seria a responsável pelo problema

10/01/2022 - 17h42

Compartilhe

Hassan
Por Hassan Farias
Moscas invadem casas do Canela e mudam rotina de moradores
Moscas invadem casas do Canela e mudam rotina de moradores
(Foto: )

Uma infestação de moscas tem prejudicado a vida de moradores da localidade Canela, no bairro Rio Bonito, na zona Norte de Joinville. Desde o fim do ano, eles precisam adaptar a rotina e encontrar soluções para combater os insetos que invadem as casas da região.

> Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

A professora e bióloga Andressa Karine Golinski dos Santos, de 34 anos, mora na localidade desde que nasceu. Segundo ela, as moscas sempre foram um problema e a situação tem piorado a cada ano.

- Todos os anos, entre o Natal e Ano-novo, temos infestação de moscas, mas neste ano se superou. Agora que começou a chover, o problema até diminuiu, só que temos a preocupação de que possa voltar - explica. 

As festas de fim de ano da família tiveram que ser canceladas na casa da bióloga e também na residência da mãe, que fica do outro lado da rua. De acordo com Andressa, não havia condições de receber outras pessoas. 

- Era horrível. A gente usava o inseticida e tinha que limpar as moscas a cada cinco minutos. Para comer, tínhamos que ligar o ventilador em cima da comida para não comermos moscas. Para dormir, o quarto tinha que ficar o dia todo fechado. Eu ainda tenho ar condicionado, mas quem não tem deve ter passado muito calor - conta.

Andressa acredita que a infestação pode ser causada por uma granja, que fica ao lado de sua casa. Segundo ela, as residências mais próximas do estabelecimento são as mais afetadas pela presença das moscas.

Prefeitura identifica causa da infestação

A Unidade de Desenvolvimento Rural (UDR), da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente (Sama), identificou que a granja localizada nas proximidades seria a responsável por causar a infestação de moscas.

Segundo a prefeitura, os técnicos da UDR foram até a empresa e determinaram que os proprietários adotassem medidas de higienização do local.

O município afirmou que a granja está prestas a ser desativada para mudar as operações para outra cidade. Enquanto isso, a empresa precisa seguir as medidas apresentadas pela Sama para erradicar a proliferação das moscas.

De acordo com a UDR, os técnicos continuarão fazendo visitas técnicas no local para acompanhar o cumprimento do processo de higienização.

Leia também:

Aposentada de Joinville restaura bonecas jogadas no lixo e faz alegria de crianças carentes

Quais faixas de idade em Joinville têm mais casos ativos de Covid

Ônibus com 49 turistas se envolve em acidente com mais 5 carros a caminho de SC

Morre no hospital motociclista atropelado em acidente em Rio Negrinho

Colunistas