Uma mulher de 45 anos foi assassinada a facadas na tarde desta sexta-feira (3) em Chapecó, no Oeste de Santa Catarina. Segundo a Polícia Militar, o crime ocorreu quando a vítima estava indo trabalhar. O ex-marido dela, de 48 anos, é o principal suspeito. Ele foi preso na manhã deste sábado (4).

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp 

O caso ocorreu por volta das 13h no Centro da cidade. Em depoimento, uma testemunha contou que viu a mulher caminhando pela calçada, com manchas de sangue pelo corpo, e pedindo ajuda pois o ex-companheiro teria a esfaqueado. Conforme a polícia, a vítima estava a caminho do trabalho quando foi atacada pelo homem.

Branca, adulta e morta a facadas: o perfil de quem é vítima de feminicídio em SC

A mulher, identificada como Monica Uhlmann Gosch, chegou a receber atendimento do Corpo de Bombeiros Militar e do Samu, mas não resistiu aos ferimentos.

Continua depois da publicidade

Ainda segundo a polícia, Monica tinha medida protetiva contra o suspeito. O casal estava separado há três meses.

Após buscas pela região, o suspeito foi localizado na manhã deste sábado (4) pela Polícia Militar. Ele foi preso e encaminhado à Central de Plantão Policial.

O caso, agora, será investigado pela Polícia Civil. De acordo com o delegado Éder Matte, da Divisão de Investigação Criminal (DIC), o homem não aceitava o fim da separação. O crime é tratado como feminicídio.

O local e horário de sepultamento da vítima não foram divulgados.

Violência contra mulher: quais os tipos e como denunciar

Leia também

Mais de 4 mil estupros e quase 600 homicídios: o retrato da violência em SC em 2022

Continua depois da publicidade

Filhos de mulheres vítimas de feminicídio passam a ter direito a pensão previsto em lei

Destaques do NSC Total