nsc

Tá osso

Na volta da torcida à Arena, JEC só empata e segue sem vencer na Copa SC

Diante de 139 torcedores, Tricolor ficou no 1 a 1 com o Marcílio Dias e vê G4 ficando mais distante

09/10/2021 - 19h31

Compartilhe

Jota
Por Jota Deschamps
Diante de 139 torcedores, JEC ficou no 1 a 1 com Marcílio Dias
Diante de 139 torcedores, JEC ficou no 1 a 1 com Marcílio Dias
(Foto: )

Ainda digerindo a eliminação na Série D do Brasileirão, o JEC voltou a campo neste sábado (09) pela quarta rodada da Copa Santa Catarina e ficou no 1 a 1 com o Marcílio Dias na Arena. O jogo marcou a volta do público ao estádio, mas apenas 139 torcedores estiveram presentes, uma das piores marcas de toda a história do clube. Com o empate, o JEC soma agora dois pontos em quatro jogos. Restam três rodadas para o final da primeira fase e a diferença para o G4 dos times classificados às semifinais é de quatro pontos.

​> ​Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

Quem comemorou primeiro na Arena Joinville foi o Marinheiro. Pressionando desde o primeiro minuto, o Marcílio Dias começou melhor diante de um JEC bastante modificado pelo técnico Leandro Zago. Após bola lançada para dentro da área, ela sobrou para David Batista que não perdoou: Marcílio 1 a 0. O time de Itajaí se manteve mais organizado e mais presente no campo ofensivo durante toda a primeira etapa, mas o placar não foi mexido. No segundo tempo o panorama mudou e o JEC conseguiu criar mais jogadas e levar mais perigo para a defesa marcilista. Aos 11 minutos Uelber foi derrubado dentro da área, pênalti batido e convertido pelo atacante Tadeu: 1 a 1. O próximo compromisso do Tricolor vai ser no sábado (16), novamente na Arena, diante do Juventus de Jaraguá do Sul às 15h. 

SITUAÇÃO DELICADA

O Hercílio Luz lidera a Copa SC com 12 pontos (4 jogos e 4 vitórias). O Figueirense é o segundo colocado com 7 e na sequência vem Caçador e Marcílio Dias, ambos com 6 pontos. O JEC é apenas o sétimo colocado, com 2 pontos e tem na sequência: Juventus (casa), Hercílio Luz (fora) e Criciúma (casa). Com uma campanha bastante irregular até aqui, dois empates e duas derrotas, se quiser continuar em busca do título, o Tricolor vai precisar vencer todos os seus compromissos e começar a contar com tropeços dos adversários ou fazer as contas para se classificar.

Os quatro primeiros avançam para as semifinais da competição, que serão disputadas em jogos e ida e volta. Apenas o campeão da Copa Santa Catarina ganha o direito de disputar a Copa do Brasil na temporada que vem.

Colunistas