nsc
    dc

    Turismo

    Neve em SC: principais pontos turísticos da Serra estão fechados

    Por causa da pandemia do coronavírus, cidades vão fiscalizar aglomerações na espera pela neve

    19/08/2020 - 16h32 - Atualizada em: 20/08/2020 - 14h26

    Compartilhe

    Lucas
    Por Lucas Paraizo
    Morro das Torres
    Em Urupema, Morro das Torres e a "cascata que congela" estão interditados
    (Foto: )

    Quem for para a Serra de Santa Catarina na espera pela neve prevista para os próximos dias vai encontrar a maioria dos pontos turísticos fechados. Por causa da pandemia do coronavírus e dos decretos que proíbem as aglomerações na região, cidades como Urubici, Urupema e São Joaquim estão com pontos interditados e terão uma fiscalização mais rigorosa com os turistas.

    > Ida de turistas à Serra em tempos de coronavírus mobiliza Estado e prefeituras

    Em relação à rede hoteleira, os municípios estão com lotação máxima entre 40 e 50%, e dentro dessa capacidade praticamente não há mais vagas na região para quinta (20) e sexta-feira (21) - os dias com a previsão de neve. As prefeituras pedem que os turistas sem reserva não viagem para a região e evitem o “bate e volta” comum nessa época de turismo em busca da neve.

    - Estamos realmente muito preocupados, toda a lotação de hospedagem está ocupada e não temos mais como receber ninguém. O pessoal tem pedido para vir com motorhome, e pedimos para que não venham. Por causa da pandemia os centros de turismo onde a gente podia fazer um acolhimento desses turistas de bate e volta estão fechados - destaca a secretária de Turismo de São Joaquim, Adriana Schlichting.

    Nas praças de São Joaquim onde os turistas tradicionalmente passam a noite esperando a neve, a Polícia Militar vai montar pontos de fiscalização para evitar a aglomeração de pessoas. Não há previsão de bloqueios na entrada da cidade.

    Em Urubici o Morro da Igreja, principal ponto turístico e um dos mais frios do Estado, está fechado desde o início da pandemia. O local é parte do Parque Nacional de São Joaquim, controlado pelo ICMBio, e o acesso está proibido.

    O mesmo vale para a pequena Urupema, onde fica o Morro das Torres, que é tradicionalmente o ponto mais alto e frio de Santa Catarina. O acesso ao morro está fechado, assim como a “cascata que congela” que fica na cidade.

    Outro ponto fechado é a Serra do Rio do Rastro, que além de local de turismo é um dos acessos aos municípios mais visitados da região. A rodovia passa por obras e o trânsito está liberado somente aos domingos e das 5h às 8h e das 17h às 20h entre segunda-feira e sábado. O mirante da Serra do Rio do Rastro, na cidade de Bom Jardim de Serra, também está com restrições.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas