nsc
nsc

+ inovação

Novo parque industrial no sul de SC é inaugurado pela Cooperja

Com foco em maquinário moderno e mais espaço para produção, novo espaço tem 27 mil m² de área construída

10/09/2021 - 15h59 - Atualizada em: 13/09/2021 - 13h16

Compartilhe

Estúdio
Por Estúdio NSC
 área construída do novo parque industrial é de 27 mil metros quadrados
A área construída do novo parque industrial é de 27 mil metros quadrados
(Foto: )

A Cooperja, cooperativa agroindustrial localizada no sul de Santa Catarina, completou 52 anos de fundação no último dia 30 de agosto. Para comemorar o marco, foi inaugurado um novo parque industrial localizado na comunidade de Araçá, em Jacinto Machado.

> Nova loja agropecuária em Araranguá oferece consultoria gratuita para produtores rurais

A solenidade de inauguração aconteceu com um almoço feito com produtos da Cooperja na data exata do aniversário. A ocasião contou com a presença de autoridades estaduais e municipais, que destacaram em seus discursos a importância do agronegócio local.

A nova construção começou a ser idealizada no aniversário de 50 anos da cooperativa para levar a produção de arroz para fora da área urbana. Além disso, a obra foi consequência da expansão da instituição que demandou mais espaço para atender suas necessidades de produção e armazenagem.

A área construída do novo parque industrial é de 27 mil metros quadrados, com capacidade de produção de 10 mil fardos por dia de produção e para armazenagem de 2 milhões de sacas. O investimento foi de mais de R$75 milhões, sendo R$50 milhões financiados pelo BRDE (Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul). O resultado da aplicação de recursos foi um espaço planejado e voltado para o futuro, com maquinário moderno e atualizado para maior qualidade e agilidade no processamento de grãos.

Nova fábrica começou a ser construída há 2 anos, no anivérsario de cinco décadas da empresa
Nova fábrica começou a ser construída há 2 anos, no anivérsario de cinco décadas da empresa
(Foto: )

A produção da cooperativa envolve mais de 80 colaboradores diretos e é um dos motores econômicos da região sul de Santa Catarina, movimentando cerca de R$15 milhões anuais somente em ICMS.

> Arroz orgânico traz benefícios para a saúde e também ao meio ambiente; confira receitas

A obra marca não só a história da Cooperja, mas também demonstra a força do agronegócio em SC, que segue crescendo, gerando emprego e renda e que, atualmente, representa 31% do PIB de Santa Catarina.

O presidente da Cooperja, Vanir Zanatta, destaca que havia um objetivo de alcançar R$1 bilhão de faturamento em 2024, mas que esse número deve ser superado ainda em 2021 devido à boa fase que o agronegócio tem vivido.

— Para nossa surpresa o agro está tão bom esse ano que acreditamos que vamos conseguir alcançar nosso objetivo de 2024 que é atingir R$1 bilhão de faturamento, já em 2021, com 52 anos de cooperativa — afirma Zanatta.

O presidente da Cooperja, Vanir Zanatta ainda ressaltou a importância das atividades da cooperativa para a região e para seus associados.

— As pessoas precisam saber o que o agronegócio está fazendo, valorizando nossos associados e associadas que autorizaram e estão apoiando mais esse investimento. A Cooperja é uma extensão dos agricultores e precisamos estar preparados para o crescimento. É emocionante poder entregar 52 anos depois uma nova indústria, que substituirá a primeira feita pelos nossos fundadores. Uma de nossas preocupações é deixar o caminho aberto para o crescimento da Cooperja nos próximos 50 anos. Continuamos a sonhar juntos — declara.

A cooperativa tem foco principal na produção de arroz, bem como na sua embalagem e busca diversificar e dar suporte às possibilidades de cultivo para seus associados. Também está no horizonte da Cooperja a produção de cereais adaptados às capacidades de produção local, e para isso está sendo feito um teste em parceria com a Epagri para o cultivo de novas variedades de trigo na região sul do estado. Os associados da Cooperja produzem também outras culturas importantes para fornecer alimentos ao estado e ao país, como maracujá, banana, pitaya, amora preta e brócolis.

Veja o vídeo de inauguração da indústria:

Conheça a Cooperja acessando o site ou visitando o canal no NSC Total.

Leia também

Agroecologia: Saiba quais os benefícios para a produção rural

Sustentabilidade empresarial ganha cada vez mais força no Brasil

Afinal, qual é a importância das engenharias para a sociedade?

Colunistas