A obra inacabada de revitalização da Prainha, em Blumenau, tem sofrido com o impacto do tempo e, nos últimos dias, passou a chamar a atenção o surgimento de pontos com água parada. Em um deles, ao lado do Vapor Blumenau, uma “piscina” se formou, trazendo risco de proliferação do mosquito da dengue. As fotos foram feitas no local nesta quinta-feira (16).

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Blumenau e região direto no Whatsapp

O acúmulo principal ocorre ao lado da embarcação, onde será feito um espelho d’água. O local construído não possui tampa e, sem os trabalhos das equipes, a água da chuva fica acumulada dia após dia. Nas últimas semanas, com o tempo instável persistindo, o solo encharcado não permitiu que as obras na prainha — e a consequente fiscalização — fossem retomadas, explicou a Secretaria de Obras.

No entanto, o órgão garantiu que a empresa responsável, a Stein, já foi informada da situação. Nesta quinta, ocorreu uma reunião para definir o cronograma dos serviços. A data do retorno, porém, não foi informada. No começo do ano, a expectativa da Secretaria era de que a obra recomeçasse em fevereiro. A revitalização deve ser concluída entre seis e oito meses.

Vapor Blumenau na Prainha. (Foto: Patrick Rodrigues/Santa)

Relembre

A revitalização da prainha parou em outubro do ano passado, quando a prefeitura notificou a Obramaster, até então responsável pela empreitada, sobre a rescisão do contrato após a empresa descumprir prazos.

Continua depois da publicidade

Segunda colocada na licitação após uma reviravolta judicial, a Stein foi contratada pelo valor equivalente ao saldo restante do vínculo que a prefeitura mantinha com a Obramaster. A empresa tem a missão de deixar o espaço mais atrativo para a população, com área de lazer, pista de caminhada, arquibancada, além de toda estrutura que vai permitir a promoção de eventos como já aconteceu no passado.

A obra contempla a reforma da concha acústica, arquibancada, mirante, playground, píer com estrutura flutuante para esportes náuticos e espelho d’água sob o Vapor Blumenau. O local ganhará ainda pista de caminhada, estacionamento e praça de alimentação.

O investimento do município é de R$ 4 milhões, com recursos viabilizados por meio do Ministério do Turismo.

Leia mais

Trecho da BR-470 que vira “sabão” em dias de chuva passa por obras

Destaques do NSC Total