A década de 1950 foi uma época de grandes transformações sociais, políticas e culturais ao redor do mundo, e o cinema também foi muito afetado por essas mudanças. Entre dramas intensos, comédias encantadoras e suspenses enigmáticos, os anos 50 produziram filmes que ainda hoje encantam e emocionam espectadores de todas as idades.

Continua depois da publicidade

Siga as notícias do Hora no Google Notícias

Clique e participe do canal do Hora no WhatsApp

Se você está em busca de uma viagem no tempo através do cinema, confira abaixo 10 filmes clássicos da década de 1950 que definitivamente merecem sua atenção:

Continua depois da publicidade

10 filmes da década de 50 para você assistir e se emocionar

“Crepúsculo dos Deuses” (1950)

Dirigido por Billy Wilder, este clássico do cinema noir acompanha a decadência de uma estrela do cinema mudo enquanto ela tenta se adaptar à era dos filmes falados.

“A Malvada” (1951)

Este drama dirigido por Joseph L. Mankiewicz narra a rivalidade entre duas atrizes de teatro, interpretadas por Bette Davis e Anne Baxter, em uma história repleta de intriga e desejos.

Continua depois da publicidade

“Janela Indiscreta” (1954)

Alfred Hitchcock nos leva a uma jornada de suspense neste filme estrelado por James Stewart e Grace Kelly, onde um fotógrafo confinado em casa suspeita que seu vizinho cometeu um assassinato.

“A Princesa e o Plebeu” (1953)

Audrey Hepburn e Gregory Peck brilham nesta comédia romântica dirigida por William Wyler, que narra o encontro entre uma princesa europeia e um jornalista americano em Roma.

“Sindicato de Ladrões” (1954)

Dirigido por Elia Kazan e estrelado por Marlon Brando, este filme é uma poderosa reflexão sobre a violência e a lealdade nas gangues de Nova York.

Continua depois da publicidade

“Disque M para Matar” (1954)

Outra obra-prima de Hitchcock, este suspense psicológico acompanha um homem que planeja o assassinato de sua esposa, mas as coisas não saem como o planejado.

“Uma Aventura na África” (1951)

Dirigido por John Huston e estrelado por Humphrey Bogart e Katharine Hepburn, este filme de aventura acompanha um casal improvável que embarca em uma jornada perigosa em um barco pelo rio africano.

“A Morte Num Beijo” (1955)

Este é mais um clássico do film noir, dirigido por Robert Aldrich conta uma história de amor e traição, com Burt Lancaster e Ava Gardner nos papéis principais.

Continua depois da publicidade

“Amar é Sofrer” (1955)

Dirigido por Charles Laughton, este drama sombrio e poético é uma adaptação do romance de Davis Grubb, centrado em uma família disfuncional do sul dos Estados Unidos.

“Matar ou Morrer” (1952)

Este clássico do faroeste dirigido por Fred Zinnemann conta a história de um xerife empenhado em proteger um acusado de assassinato de uma multidão furiosa.

Leia mais

10 séries e filmes da Netflix para ver “agora mesmo”, segundo o NYT

Esses filmes já foram proibidos no Brasil e a lista é surpreendente

Destaques do NSC Total