A partir da decisão dos eleitores catarinenses neste domingo (2), 13 partidos vão dividir as 40 cadeiras reservadas aos deputados estaduais na Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc) pelos próximos quatro anos. No atual mandato, 12 siglas representam o Legislativo do Estado.

Continua depois da publicidade

Receba as principais notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

O partido com maior número de deputados eleitos para a renovação da Alesc foi o PL. A maior bancada partidária será composta por 11 políticos. A sigla teve também a candidatura mais votada, da deputada reeleita Ana Campagnolo.

O MDB será representado por seis políticos eleitos, enquanto o PT terá quatro nomes. As siglas Progressistas, PSD e União Brasil terão três deputados estaduais cada, enquanto o PSDB terá dois. Novo, PDT, PSOL, PTB e Republicanos terão um nome cada.

Entre os seis nomes eleitos do MDB, estão Antídio Lunelli, Mauro De Nadal, Jerry Comper, Fernando Krelling, Volnei Weber e Tiago Zilli. No mandato atual, o MDB tem nove representantes. 

Continua depois da publicidade

Com Matheus Cadorin eleito, o Novo terá um deputado estadual, o mesmo número que teve nos últimos quatro anos. O PDT é outra sigla que seguirá com um único parlamentar após reeleger Rodrigo Minotto.

No mandato em exercício, o PL conta com seis deputados. Agora, o partido pula para 11 cadeiras, sendo representado por Ana Campagnolo, Sargento Lima, Mauricio Eskudlark, Jessé Lopes, Ivan Naatz, Carlos Humberto, Nilso Berlanda, Marcius Machado, Edilson Massocco, Oscar Gutz e Estener Soratto.

O Podemos possui dois representantes no mandato atual da assembleia e, a partir de 2023, terá três: Paulinha, Camilo Martins e Lucas Neves. 

Na última eleição, o PP elegeu três políticos para o legislativo do Estado. Neste ano, Zé Milton, Altair Silva e Pepê Collaço estão entre os 40 nomes. 

Continua depois da publicidade

O PSD teve quatro deputados eleitos no pleito anterior. Agora, caiu para três, elegendo Mario Motta, Julio Garcia e Napoleão Bernardes. 

O PSDB reelegeu Marcos Vieira e Dr. Vicente, os dois representantes da sigla na Alesc durane os últimos quatro anos. 

Outro partido que reelegeu a mesma bancada foi o PT, com os quatro representantes na Alesc: Luciane Carminatti, Neodi Saretta, Fabiano Da Luz e Padre Pedro. 

O PTB elegeu apenas um deputado na eleição anterior e atual, agora, com Delegado Egidio Ferrari. Já o Republicanos reelegeu Sergio Motta, o único político do partido na atual composição. 

Continua depois da publicidade

O União Brasil, que atualmente possui cinco deputados eleitos, terá três cadeiras a partir do ano que vem, sendo Jair Miotto, Repórter Sérgio Guimarães e Marcos da Rosa os nomes da sigla. 

O que faz um deputado estadual? 

Os representantes do povo na esfera estadual do poder legislativo são deputadas e deputados estaduais. Em Santa Catarina, sessões e debates acontecem na Assembleia Legislativa do Estado (Alesc), com sede em Florianópolis.

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), compete a esses parlamentares legislar, propor, emendar, alterar e revogar leis estaduais. Eles também fiscalizam as contas do Poder Executivo estadual, entre outras atribuições.

Leia também 

Número de abstenções bate recorde nas Eleições 2022 em SC: “Receio do antagonismo”

Continua depois da publicidade

Deputadas transexuais são eleitas para o Congresso pela primeira vez na história

Orçamento de SC para 2023 tem projeção de crescimento de 16%

Destaques do NSC Total