nsc
    hora_de_sc

    Justiça

    PC Siqueira: entenda investigação por pornografa infantil e acusações de pedofilia

    Perfil no Twitter divulgou suposta conversa em que Youtuber teria compartilhado foto de criança nua

    16/06/2020 - 10h49 - Atualizada em: 16/06/2020 - 13h46

    Compartilhe

    Por Carolina Marasco
    Youtuber PC Siqueira
    Youtuber PC Siqueira
    (Foto: )

    O Youtuber PC Siqueira está sendo investigado por pornografia infantil após o vazamento de mensagens em que ele estaria compartilhando a foto de uma criança de seis anos nua. Na última semana, uma conta no Twiter chamada de "Exposed Emo" divulgou prints de uma conversa em que PC Siqueira teria compartilhado a foto e relatado que recebeu a imagem da mãe da menor da idade.

    > Saiba como denunciar casos de abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes

    Após a repercussão na internet, a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo confirmou a investigação de PC Siqueira por pornografia infantil. Apesar de muitos comentários acusarem o Youtuber de pedofilia, cabe ressaltar que há diferença entre os termos. Desde a década de 1960, a Organização Mundial de Saúde (OMS) descreve a pedofilia como uma doença. Os crimes que podem - ou não - ser causados por quem possui a doença cabem à legislação de cada país.

    > Operação contra pornografia infantil prende homem em flagrante em Balneário Camboriú

    A OMS descreve a pedofilia como um transtorno sexual que se manifesta “por pensamentos sexuais persistentes, fantasias, impulsos ou comportamentos envolvendo crianças e pré-púberes”. Para que o “transtorno pedofílico possa ser diagnosticado, o indivíduo deve ter agido com base nesses pensamentos, fantasias ou impulsos ou ser acentuadamente perturbado por eles”.

    PC Siqueira chegou a dizer que o vídeo seria falso e que as acusações seriam "mentira" em uma publicação pelas redes sociais. Porém, os posts foram apagados. "Fui pego de surpresa ao ver meu nome sendo utilizado por uma articulação criminosa, que tentou me acusar de algo terrível, que jamais cometi ou cometeria", declarou o youtuber.

    O comunicado de PC Siqueira foi apagado do Instagram, mas segue compartilhado no Facebook até o momento de publicação desta reportagem. Leia aqui nota de PC Siqueira sobre as acusações de pedofilia na íntegra.

    > Felipe Prior, do BBB 20, é acusado de estupro e de tentativa de estupro

    Veja o vídeo do Twitter #ExposedEmo com os prints do caso

    Entenda a linha do tempo sobre as acusações de pedofilia de PC Siqueira

    - No dia 10 de junho, o perfil no Twitter divulga um vídeo com os prints da conversa de PC Siqueira. Nas mensagens, ele afirma que recebeu uma foto a mãe da criança de seis anos em que a menor de idade estaria nua.

    - No dia 11 de junho, PC Siqueira divulga nota dizendo que vídeo é falso e aponta itens que comprovariam a "fake news".

    - Áudios de PC são vazados em que ele afirma poder ter um "traço" de pedofilia por ter gostado sexualmente das fotos. "É muito bizarro, porque, antes de ontem, eu fui acusado de racismo. Agora, eu vou ser o pedófilo, porque... É, eu meio devo ter um traço disso, porque eu olhei a bunda de uma menina e, no meio da situação, do sexo virtual, aquilo lá me deixou arroused (excitado, em inglês)".

    - Os também Youtubers Cauê Moura e Rafinha Bastos, do canal Ilha dos Barbados com PC Siqueira, anunciam o cancelamento do projeto falam que estão "perplexos e decepcionados" com o caso. Rafinha Bastos comenta o caso de PC Siqueira em um vídeo no Youtube. 

    - PC fez um post em seu stories no Instagram na segunda-feira (15) em que cita um trecho da música "You want it darker", de Leonard Cohen"e usuários falam que poderia ser um indício de pensamentos suicidas pelo Youtuber. 

    Veja a declaração de cancelamento do canal Ilha dos Barbados

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Entretenimento

    Colunistas