nsc
santa

Segurança

Preso com carga milionária de cocaína em SC é atleta, campeão de karate e empresário

Jovem contou à polícia que recebia R$ 4 mil por mês para armazenar a droga e encontrar quem a levasse para o Rio de Janeiro

22/02/2022 - 13h56 - Atualizada em: 22/02/2022 - 20h18

Compartilhe

Talita
Por Talita Catie
Ruan Arno Brockveld tem 24 anos e teria admitido participação em outro crime
Ruan Arno Brockveld tem 24 anos e teria admitido participação em outro crime
(Foto: )

O jovem preso na noite desta segunda-feira (21) em Navegantes com uma carga de drogas avaliada em R$ 25 milhões foi identificado como Ruan Arno Brockveld, de 24 anos. Ele é empresário, atleta de karate, professor da modalidade no Litoral de Santa Catarina, campeão catarinense em 2021 e filho do vereador e vice-presidente da Câmara de Penha, Maurício Brockveld (MDB).

De acordo com a polícia, o jovem admitiu ser o responsável por guardar em um apartamento, na cidade de Balneário Piçarras, mais de 720 quilos de cocaína. Conforme relato policial, ele tinha a tarefa de encontrar quem levasse o produto para o Rio de Janeiro. Para isso, teria afirmado receber R$ 4 mil ao mês.

> Receba notícias de todo o Vale do Itajaí direto no Whatsapp.

A atuação de Ruan no tráfico de drogas foi descoberta durante uma operação da Polícia Federal, que contou com o apoio da Polícia Militar de Santa Catarina. Imagens de câmeras de segurança ajudaram a confirmar que o material estava no apartamento dele.

A PM afirma que após ter o carro localizado com drogas, ele teria começado a tirar os entorpecentes do apartamento para evitar uma apreensão maior. Mas a polícia conseguiu chegar ao endereço usado como esconderijo, um imóvel em Balneário Piçarras, também no Litoral Norte do Estado.

A proprietária do local teria confirmado aos militares que alugou o espaço a Ruan e um contrato confirmaria a locação. Na residência havia mais de 720 quilos de cocaína e seis quilos de crack.

Cocaína estava em imóvel alugado na cidade de Balneário Piçarras
Cocaína estava em imóvel alugado na cidade de Balneário Piçarras
(Foto: )

Após a apreensão, a polícia voltou a Navegantes e prendeu o rapaz. Ele teria confessado o crime. Ainda de acordo com a PM, Ruan admitiu que chegou a estocar no apartamento dele um arsenal de armas, que foi descoberto pela Polícia Rodoviária Federal no fim de 2021.

O caso a que ele se refere aconteceu na Rodovia Presidente Dutra, em novembro do ano passado. Como o Santa mostrou na época, no carro havia grande quantidade de fuzis e pistolas, além de 750 quilos de maconha.

O jovem foi levado à delegacia da Polícia Federal de Itajaí e permanece preso. A investigação segue no Rio de Janeiro. Além da grande quantidade de drogas, também foi apreendida uma BMW avaliada em R$ 300 mil.

Contrapontos

A reportagem tentou contato com os advogados de Ruan Brockveld durante toda a manhã e início da tarde desta terça-feira (22), porém não obteve retorno até a publicação desta matéria. O espaço para contraponto segue aberto. Procuramos por telefone também o vereador Maurício Brockveld, mas não tivemos resposta desde as 9h46min.

Leia também

> Perseguição termina em troca de tiros e um suspeito morto pela PM em Camboriú

> Quem eram e o que já se sabe sobre morte de casal em Agrolândia, no Alto Vale

> Dono faz rifa irregular para tentar recuperar “Saveiro da PRF” apreendida em BC

Colunistas