A Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) foi eleita a oitava melhor instituição de ensino superior do Brasil pelo QS World University Rankings 2024, divulgado nesta terça-feira (13) pela empresa britânica de educação Quacquarelli Symonds (QS) e considerado um dos mais importantes do planeta.

Continua depois da publicidade

Receba notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

O ranking é dedicado a toda a América Latina, região em que a UFSC foi considerada a 23ª melhor universidade. Na lista do ano passado, a representante catarinense havia tido colocações semelhantes.

O QS World já havia divulgado um outro ranking em junho, mas de caráter global e menos detalhado. Na ocasião, a UFSC era a nona melhor brasileira, empatada com a Universidade de Brasília (UnB), da qual ficou à frente agora na lista com recorte latino-americano.

A nota atribuída a cada universidade para compor o ranking é dividida em oito critérios gerais, cada um com pesos diferentes para se chegar ao resultado final, que vai de 0 a 100 (o da UFSC foi de 68,7 pontos).

Continua depois da publicidade

A UFSC teve melhores desempenhos na proporção de seu corpo docente com doutorado, no nível de cooperação em pesquisas internacionais e em sua presença digital.

Ainda cabe melhora, no entanto, na reputação de formandos da UFSC com empregadores, na quantidade de professores que a universidade conta por aluno e no volume de citações em artigos acadêmicos.

A universidade destacou que a maior parte dos artigos e citações externas que obteve entre 2017 e 2022 tiveram como temática as áreas de medicina e ciências da vida.

As notas da UFSC no ranking das melhores universidades

Critério (peso na nota final) – nota da UFSC

Continua depois da publicidade

  • Reputação acadêmica (30%) – 68,4
  • Reputação com empregadores (20%) – 20,6
  • Proporção de professores por aluno (10%) – 46,4
  • Proporção de professores com doutorado (10%) – 99,7
  • Citações em artigos acadêmicos (10%) – 51,8
  • Cooperação em pesquisas internacionais (10%) – 98,1
  • Proporção de artigos publicados pela comunidade acadêmica (5%) – 95,5
  • Impacto na internet e presença digital (5%) – 97,4

Desempenho de outras universidades brasileiras

O ranking latino-americano do QS World passou a ser liderado nesta edição por uma instituição brasileira: a Universidade de São Paulo (USP), que trocou de posição com a Pontifícia Universidade Católica (PUC) do Chile, agora na segunda colocação.

Em relação à lista anterior do QS World para a América Latina, a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) também avançou, pulando da quinta para a terceira colocação.

O top-10 latino-americano ainda conta uma outra brasileira, a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), que mais uma vez ocupou a oitava posição.

Continua depois da publicidade

A lista incluiu 420 instituições da América Latina. Além da UFSC, a outra catarinense no ranking é a Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc), que ficou entre as posições de número 251 e 300, sem maior detalhamento. Na divulgação anterior, ela estava em uma melhor faixa, a que vai de 201 a 250.

Veja o top-10 de universidades brasileiras

  1. Universidade de São Paulo (USP)
  2. Universidade Estadual de Campinas (Unicamp)
  3. Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)
  4. Universidade Estadual Paulista (Unesp)
  5. Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
  6. Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio)
  7. Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRS)
  8. Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC)
  9. Universidade de Brasília (UnB)
  10. Universidade Federal de São Paulo (Unifesp)

Leia mais

Agricultura familiar de SC apoia combate à fome e aguarda repasse federal de R$ 10 milhões

Tensão sobre prisões de SC cresce com lotação, denúncias de tortura e estrutura precária

Destaques do NSC Total