nsc
santa

Trânsito

Quem era a jovem morta em acidente na Itoupava Central, em Blumenau

Acidente ocorreu na noite deste domingo (13) na Rua Dr. Pedro Zimmermann (SC-108)

14/06/2021 - 06h43 - Atualizada em: 14/06/2021 - 07h50

Compartilhe

Augusto
Por Augusto Ittner
Camila teria tentado desviar de um pedestre antes do acidente.
Camila teria tentado desviar de um pedestre antes do acidente.
(Foto: )

A morte de uma jovem de 21 anos na noite desde domingo (13) em um acidente na Itoupava Central, em Blumenau, gera comoção nas redes sociais. Camila da Silva Freitas conduzia uma motocicleta pela Rua Dr. Pedro Zimmermann, quando subitamente mudou a direção do veículo, perdeu o controle e bateu contra um Voyage. Ela teve diversas fraturas e morreu na hora.

> Receba notícias de Blumenau e do Vale por WhatsApp

Testemunhas relataram que a mulher teria tentado desviar de um pedestre que atravessou a rodovia. Essa pessoa não teria parado para prestar os primeiros socorros após a ocorrência. Imagens obtidas pelo portal Mesorregional mostram o momento em que um homem sai correndo em direção à SC-108. Logo depois, o acidente acontece.

Os bombeiros de Blumenau foram acionados e se deslocaram até o local da batida, porém Camila já estava sem vida no momento no momento da chegada dos socorristas.

Amigos e familiares lamentam a morte da jovem. Nas redes sociais, o clima é de comoção e lamentação.

> Petrolândia mostra ao Brasil que urnas eletrônicas são seguras e prova que 'fraude' é papo de boteco

“Meu Senhor, receba esta estrelinha em teus braços. Sei que sua alegria contagiou a todos e sei que deixará muitas lembranças boas em nossos corações, que o Senhor venha nos confortar da maneira calorosa como sorriso desta flor que repousa em paz, que em meio está tragédia venha nos florescer Seu amor, Sua bondade que por nossas vidas irá ficar guardada”, escreveu Jaine Silva.

“É triste saber que não a verei mais, mas quando lembro de momentos que vivemos, sorrio e agradeço por tudo que ela significa para mim. Mesmo que não esteja aqui, prima, guardo um amor muito grande por você! Sentirei sua falta”, postou o primo Isaki Fidélis.

Não há informações sobre velório e sepultamento.

Leia também

Santa Catarina é tolerante demais ao risco de desastres

Pai encontra a filha morta dentro de casa em Indaial

Colunistas