nsc
santa

OLHA ELA

Rainha da Oktoberfest Blumenau brilhou nos tablados e agora será árbitra de ginástica

Sasha Bauer foi atleta de ginástica rítmica por 15 anos e agora encara novo desafio nos Jogos Abertos

10/11/2021 - 14h40

Compartilhe

Talita
Por Talita Catie
Por Valeska Lippel
Rainha se voluntariou a participar da competição deste ano
Rainha se voluntariou a participar da competição deste ano
(Foto: )

Ela é a rainha da Oktoberfest Blumenau com o reinado mais longo. Carismática. Inteligente. Formada em Direito e agora árbitra. Isso mesmo, estamos falando de Sasha Bauer. Ela vai encarar um novo desafio e integrar a banca julgadora das provas de ginástica rítmica nos Jogos Abertos de Santa Catarina (Jasc) de 2021, que ocorrem entre 24 e 30 de novembro.

> Receba notícias de Blumenau e região direto no Whatsapp.

A atual dona da coroa da maior festa alemã das Américas brilhou nos tablados por 15 anos como atleta. Nessa trajetória, Sasha colecionou 164 medalhas. Muito antes de ser rainha da Oktoberfest, já representava Blumenau e chegou a ser campeã estadual na categoria juvenil com um traje inspirado no evento que leva milhares de pessoas ao Parque Vila Germânica.

— Foi uma forma que eu percebi de continuar próxima da ginástica rítmica e poder continuar acompanhando a equipe (de Blumenau) e toda a evolução das meninas — admite.

> Oktoberfest Blumenau 2022; veja a data

A aposentadoria veio em 2019, depois de ter participado de sete edições do Jasc. Sem conseguir ficar longe do esporte, ela voltou de um jeito diferente. Se preparou, fez prova e passou para virar árbitra. Preparada, ela se voluntariou para atuar nos Jogos Abertos. Ao lado de mais nove árbitros, terá a missão de analisar as coreografias, julgar e dar nota.

A rainha da Oktoberfest também é inspiração para as novas gerações, que se sentem ainda mais incentivadas a treinar, competir e representar Blumenau.

— A Sasha por muitos anos fez parte da nossa equipe. Ela viveu esse esporte com a gente, treinou muitos anos aqui e agora do outro lado com certeza vai passar tranquilidade para nós na banca de arbitragem. Nós teremos uma árbitra rainha — diz orgulhosa a ginasta Jéssica Sayonara Maier.

Leia também

> Adolescente de Brusque vence a fome e a pobreza para despontar no boxe

> Banho em praia de nudismo termina em susto para cinco moradores de Blumenau

> 50 propagandas antigas que parecem estranhas, mas que já fizeram sentido

Colunistas