nsc

Alerta

Covid-19: “Regras mais rígidas não estão descartadas”, diz superintendente da DIVE

Eduardo Marques Macário falou sobre o momento ruim da pandemia à CBN Joinville nesta segunda-feira (22)

22/02/2021 - 17h14 - Atualizada em: 13/05/2021 - 11h27

Compartilhe

Jean
Por Jean Patrick
A região Norte tem 132 leitos ativos para Covid-19, sendo 130 ocupados neste momento.
A região Norte tem 132 leitos ativos para Covid-19, sendo 130 ocupados neste momento.
(Foto: )

O número de aglomerações no carnaval resultou na maior quantidade de casos de coronavírus nesse momento em Santa Catarina. A afirmação foi feita pelo superintendente de vigilância em saúde de Santa Catarina, Eduardo Marques Macário em entrevista à CBN Joinville nesta segunda-feira (22).

> Quer receber notícias de Joinville e Norte de SC por WhatsApp? Clique aqui

Segundo Eduardo, o momento é de emergência no estado e o foco deve ser a prevenção para que a curva de casos possa diminuir. O superintendente destaca que “regras mais rígidas não estão descartadas”, inclusive um possível lockdown.

- Não podemos ter cada dia mais casos e mortes e não tomarmos uma atitude – disse.

A nova variante que já está em Santa Catarina foi avaliada pelo superintendente nesse momento como responsável por um possível colapso no sistema de saúde no estado.

Para Eduardo o momento atual é o pior para os hospitais, e segundo ele não adianta dobrar a capacidade leitos se a demanda não diminuir. Por isso, destacou que a prevenção é ainda o melhor a ser feito.

Ouça a entrevista completa:

Colunistas