nsc
    dc

    Saúde Mental

    Parceira do Clube NSC indica como manter a saúde mental na pandemia

    Sócios do clube têm desconto nos atendimentos da Espaço Coral

    28/07/2020 - 12h50

    Compartilhe

    Iuri
    Por Iuri Barcellos
    Duas mulheres em pé em frente a uma janela de vidro tomando sol enquanto conversam
    Durante a pandemia, manter a saúde mental em dia é um dos principais desafios
    (Foto: )

    Passar por uma pandemia, viver em distanciamento social, enfrentar a incerteza do futuro é um desafio para a saúde mental de qualquer pessoa. Frente a essa realidade, o ambiente incerto e de pouco contato social pode despertar transtornos como a ansiedade e a solidão. Para tratar um pouco sobre o assnuto, convidamos a psicóloga Eduarda Tolentino, da Espaço Coral, um dos parceiros do Clube NSC, para tirar dúvidas e auxiliar indicando maneiras de como manter uma boa saúde mental durante a pandemia.

    > Como administrar o emocional nas organizações

    Quais são as principais dicas para manter a saúde mental durante a quarentena?

    Primeira coisa é tentar manter uma rotina o mais próximo possível da que você tinha antes. Lógico que não será exatamente igual, mas, pelo menos, os horários. Continue acordando no mesmo horário, almoce na hora de sempre e, de preferência, com todos da casa juntos. Se tiver criança, não a deixe levar eletrônicos à mesa. Nas horas vagas desenvolva alguma atividade manual, pois isso ajuda muito, ou leia um livro. Para quem tem criança em casa, é bom desenvolver alguma atividade que os inclua. E se a pessoa estiver muito angustiada, siga as recomendações: saia de casa, dê uma caminhada pela rua, mas mantendo a distância segura das outras pessoas.

    Mulher ao ar livre com as mãos juntas enquanto medita sob o pôr do sol
    Manter a rotina como de costume e praticar atividades físicas auxiliam a manter a serenidade durante o período conturbado
    (Foto: )

    Cuidar do corpo também é uma forma de manter a mente bem?

    Sim, primeiro porque os exercícios físicos liberam hormônios que trazem uma boa sensação ao cérebro e isso é importante, principalmente para quem mora sozinho. Segundo, porque os cuidados pessoais com a própria higiene faz bem. Não é para deixar os cuidados de lado, as pessoas devem continuar fazendo o que faziam antes, deixar de fazer pode desenvolver um humor mais depressivo. Uma sensação de que é o “isolamento” que está no comando e não mais a pessoa e é isso que o cérebro entende. Mas mantendo essa rotina de exercícios e cuidados pessoais, a mensagem que você envia para sua cabeça é: “estou em casa, mas está tudo certo e a vida continua”.

    > Faça exercícios físicos em casa com dicas dos parceiros do Clube NSC

    Alimentação também pode ajudar a mente?

    Essa questão está muito relacionada com o que médicos e nutricionistas sempre falaram: alimentos saudáveis mantém quem consome mais saudável, com mais energia e disposição. Se a pessoa não tem esse hábito, esta é uma boa hora para começar. É mais uma forma do corpo entender que é você que está no controle da situação e não sucumbir ao desespero.

    Existe algum exercício específico que ajude a manter a mente saudável?

    O que a pessoa deve ter em mente é que este isolamento é passageiro, uma hora vai acabar. Então, organize-se para retomar sua vida sem maiores prejuízos. Também fazer exercícios físicos, exercícios de respiração e meditação, desenvolver alguma habilidade nova é uma forma de manter a mente ocupada e saudável.

    Qual o momento ideal para procurar ajuda profissional?

    Quando você começa a ter crises de ansiedade que não consegue controlar, palpitação, suor excessivo, pensamentos ruins o tempo inteiro, falta de vontade de sair da cama e de se cuidar. Trocar o dia pela noite, não querer falar mais com ninguém e achar o isolamento bom porque não tem vontade de voltar a socializar, estes são sinais de alerta. Nesse momento é bom conversar com um profissional. Não é exatamente entrar numa terapia, mas conversar e deixar alguém que tem outro olhar avaliar a sua situação. Todos nós temos algo que chamamos de “rede de proteção”, que são amigos e família que podem dar apoio. Chame-os para conversar e mantenha contato. Se você perceber que não vai conseguir sozinho, peça ajuda.

    Sócios do Clube NSC aproveitam de todo auxílio e acompanhamento referente à saúde mental na Espaço Coral. O local tem como missão o acolhimento das pessoas através de valores éticos, transparentes e inclusivos. Sócios do clube contam com 20% de desconto sobre o valor das sessões, o benefício é exclusivo para assinantes do NSC Total. Conheça esse e outros parceiros do segmento no clubensc.com.br.

    > Tecnologia ajuda a moldar o novo mundo pós-coronavírus

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Entretenimento

    Colunistas