nsc
an

Complexo prisional

Seis presos estão foragidos após não voltarem da saída temporária em Joinville

Eles tinham que retornar no dia 31 e já são considerados foragidos pela Justiça

08/01/2020 - 16h21 - Atualizada em: 08/01/2020 - 16h26

Compartilhe

Hassan
Por Hassan Farias
Penitenciária Industrial de Joinville
Penitenciária Industrial de Joinville
(Foto: )

A Justiça concedeu saída temporária para 106 detentos do sistema prisional para as festas do fim de ano em Joinville, de acordo com o Departamento de Administração Prisional (Deap-SC). Eles tinham até o dia 31 para retornar ao Presídio Regional e à Penitenciária Industrial, mas seis deles ainda não voltaram e já são considerados foragidos.

No fim de 2019, 2.528 presos deixaram o sistema prisional com autorização judicial pela saída temporária no período de visitas a familiares em Santa Catarina. No entanto, 135 detentos não voltaram após receberem o benefício.

Segundo o Deap, 48 deles foram recapturados e 87 ainda não voltaram e estão foragidos. Eles correspondem a 3,36% de todos os presos que receberam a saída. No ano passado, o percentual de presos que não retornaram aos complexos prisionais em todo o Estado foi de 3,30%.

As saídas temporárias foram entre os dias 19 e 31 de dezembro. O prazo final para os detentos terminou às 17 horas do dia 31. Em Joinville, quatro deveriam ter retornado para a penitenciária e outros dois para o presídio.

Chapecó, Palhoça e Itajaí são as cidades que mais registraram presos foragidos, com 13 em casa uma.

As saídas temporárias são previstas em lei e autorizadas para presos do regime semi-aberto que já tenham tido experiência de saídas anteriores ou que estão no final do cumprimento de pena. É uma ação de reaproximação dos apenados com seus familiares.

Leia também:

O caminho para a ressocialização de detentos em Santa Catarina

Deixe seu comentário:

Últimas notícias

Loading interface... Todas de Polícia

Colunistas