nsc
    santa

    Desrespeito

    Sete bares e tabacarias são interditados em Blumenau por descumprirem medidas contra Covid-19

    Estabelecimentos promoveram aglomerações com a matriz de risco no nível gravíssimo para a região

    21/02/2021 - 11h58 - Atualizada em: 21/02/2021 - 12h00

    Compartilhe

    Redação
    Por Redação Santa
    Foram feitas cerca de 30 abordagens em casas noturnas, bares e tabacarias
    Foram feitas cerca de 30 abordagens em casas noturnas, bares e tabacarias
    (Foto: )

    Na última semana, sete bares e tabacarias foram interditados por descumprirem as medidas restritivas contra a Covid-19 em Blumenau. Os estabelecimentos promoveram aglomerações com a matriz de risco no nível gravíssimo para a região, desrespeitando as regras do governo do Estado.

    > Clique aqui e entre no grupo de notícias pelo WhatsApp do Santa

    Conforme a prefeitura, desde a última sexta-feira (19), foram promovidas cerca de 30 abordagens em casas noturnas, bares e tabacarias. Depois das orientações, alguns estabelecimentos não abriram no sábado, mas sete locais voltaram a descumprir as medidas e por isso foram fechados. Os nomes dos estabelecimentos não foram divulgados pela administração municipal.

    Segundo a prefeitura de Blumenau, estes locais responderão Processo Administrativo Sanitário (PAS), aberto pela Vigilância Sanitária. Os proprietários têm até 15 dias para apresentar uma defesa escrita e, ao concluir o julgamento, será imposta a penalidade, que pode ser de multa ou cassação de Alvará Sanitário.

    Em Blumenau, o trabalho de fiscalização está sendo coordenado pela Secretaria de Defesa Civil e envolve equipes da Vigilância Sanitária, da Seterb, da Policia Militar, da Policia Civil e do Corpo de Bombeiros. Ao todo, mais de 40 profissionais estão atuando nos bairros da cidade.  

    > Painel do Coronavírus: saiba como foi o avanço da pandemia em SC

    Denúncias

    A população pode registrar denúncias relacionadas a casos de aglomeração em estabelecimentos, por meio do telefone 199, da Defesa Civil e 190 da Polícia Militar. Segundo a prefeitura, até a manhã deste domingo (21), a central de telefone 199 atendeu cerca de 30 ligações.

    Leia também

    Após alta hospitalar, 1/4 dos pacientes intubados por Covid-19 morre por sequelas

    Acompanhe dados da vacinação em cada município de SC no Monitor da Vacina 

    Mãe dá à luz durante internação por Covid-19 no Oeste de SC: “Parece que acordei de um sonho”

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Saúde

    Colunistas