O temporal registrado em Joinville na última quinta-feira (17) causou mais de 100 ocorrências, entre destelhamentos e quedas de árvores e galhos. Durante a manhã desta sexta-feira (18), as equipes da Defesa Civil, Bombeiros Voluntários e de secretarias da prefeitura ainda realizavam os atendimentos pela cidade.

Continua depois da publicidade

> Acesse para receber notícias de Joinville e região pelo WhatsApp

A chuva aconteceu no fim da tarde, com rajadas de vento de até 78 km/h. Além dos destelhamentos e quedas de árvores, também foram contabilizados alagamentos e ainda 42 mil unidades sem energia elétrica durante a noite.

Até o fim da manhã desta sexta-feira, a Defesa Civil de Joinville distribuiu cerca de 300 metros de lona para reparos emergenciais em telhados.

Um dos atendimentos realizados foi na Igreja Nossa Senhora da Paz, no bairro Jarivatuba, onde uma parede externa, localizada na parte frontal do imóvel, desmoronou por causa da ação do vento forte.

Continua depois da publicidade

O incidente ocorreu no início da noite e não houve vítimas. Após avaliação da Defesa Civil, que constatou a inexistência de danos estruturais, o local foi liberado para retirada dos entulhos e retomada das atividades normais. 

Já no bairro Itaum, na rua dos Astronautas, parte da garagem anexa a uma residência desabou e teve sua estrutura totalmente danificada. A Defesa Civil interditou a garagem e orientou pela demolição, já que coloca em risco o restante do imóvel.

Quedas de árvores e galhos atingiram mais a região central da cidade
Quedas de árvores e galhos atingiram mais a região central da cidade (Foto: Prefeitura de Joinville, Divulgação)

Quedas de árvores e galhos atingiram região central

Além da Defesa Civil, equipes da Unidade de Parques e Praças da Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente (Sama), com a colaboração da Celesc e dos Bombeiros Voluntários, trabalharam, inclusive durante a noite, na retirada de árvores e galhos que caíram sobre vias públicas. 

Embora ocorrências de queda de árvores e galhos de grande porte tenham acontecido em diversos pontos da cidade, esses eventos atingiram principalmente áreas como a região central, nas ruas Anita Garibaldi, Padre Kolb, Marquês de Olinda, proximidades da Rodoviária, além de pontos na zona Sul, como na rua Monsenhor Gercino, e em Pirabeiraba. 

Continua depois da publicidade

Já a Secretaria de Infraestrutura Urbana (Seinfra), por meio das Subprefeituras, atuou com a limpeza das ruas, patrolamento e recuperação das vias danificadas pelo excesso de chuva. 

Previsão de temporais isolados

De acordo com Defesa Civil de Joinville, para sexta-feira (18/2), há previsão de pancadas de chuva para o final da tarde, que podem vir acompanhadas por temporais isolados.

Situações de emergência devem ser comunicadas para a Defesa Civil, pelo número 199, ou aos Bombeiros Voluntários, no 193. 

Em caso de vento forte, a recomendação é procurar um lugar seguro para se abrigar e não ficar próximo de árvores, placas ou objetos que possam ser arremessados e de janelas dentro das residências.

Continua depois da publicidade

Leia também:

Análise confirma contaminação de rio e peixes em Garuva

Rompimento de rede deixa Guaramirim inteira sem água

Mulher encontrada em Garuva foi morta a pedradas pelo namorado por vingança, diz polícia

Após reviravolta, lei que combate pobreza menstrual entra em vigor em Joinville

Destaques do NSC Total