nsc
santa

Tempo

Tornado de categoria F2 atingiu Timbó com ventos de até 218 km/h, diz Defesa Civil

Informação foi confirmada na tarde desta quinta-feira (6); fotos revelam destruição do fenômeno que atingiu cerca de 80 imóveis na cidade

06/01/2022 - 14h53 - Atualizada em: 06/01/2022 - 15h05

Compartilhe

Talita
Por Talita Catie
Muitos telhados de zinco foram arrancadas e ficaram no meio das ruas
Muitos telhados de zinco foram arrancadas e ficaram no meio das ruas
(Foto: )

Um tornado de categoria F2 atingiu Timbó no fim da tarde desta quarta-feira (5). A informação foi confirmada em um novo relatório da Defesa Civil. Isso significa, na prática, que os ventos que atingiram a pequena cidade do Médio Vale tiveram entre 178 km/h e 218 km/h, conforme a Escala Fujita melhorada — que classifica os fenômenos entre F0 e F5. 

> Acesse para receber as notícias do Santa por WhatsApp

Durante a manhã e o início da tarde desta quinta-feira (6), "recuperação" foi a palavra de ordem em Timbó.

Moradores, empresários e funcionários, principalmente do bairro Fritz Lorenz, trabalham para recuperar os telhados arrancados pela força do vento, recolher as coberturas de zinco que foram parar nas ruas, terminar de tirar os galhos de árvores dos pátios e estradas.

A Defesa Civil da cidade estima cerca de 30 empresas e 50 casas afetadas. O número pode sofrer alterações, pois as equipes ainda estão contabilizando os estragos.

> Leia também: Câmera flagra momento em que tornado passa por Timbó e deixa rastro de destruição

Imagens feitas após temporal mostram o tamanho do impacto e, consequentemente, prejuízos. Coberturas foram arrancadas inteiras, levando inclusive o madeiramento. A chuva com granizo também danificou telhados e a água invadiu empresas. Foi assim na Mueller Eletrodomésticos. Lá, parte dos produtos já embalados ficaram a céu aberto porque as tendas de proteção voaram. 

Veja fotos da destruição em Timbó​

Moradores relataram momentos de pânico. Gilcemar Gessner, funcionário de uma empresa que fabrica portas, conta que quando a chuva começou ele e os colegas chegaram a tentar fechar as janelas. Não imaginavam que o pior estava por vir. Logo depois o vento ergueu o telhado, que foi parar a cerca de 300 metros dali. 

Segundo ele, quase não deu tempo de escapar. 

— Estávamos preocupados em nos salvar. Corremos e quase nem deu tempo. Uma pessoa ainda ficou no meio da poeira, com as coisas voando, quebrando, mas ainda bem que não se machucou. Foi terrível — relata Gessner.

O funcionário de uma empresa de carroceria começou a filmar o temporal quando o vento ficou mais forte e ele tentou se proteger dentro de container. As rajadas ganharam tamanha proporção que ate mesmo o contêiner foi arrastado. No local, carrocerias que estavam no pátio chegaram a tombar. 

Veja imagens da cidade após o temporal

Leia também

> Vídeo impressionante mostra força de tornado que atingiu Timbó; assista

> Imagem de satélite mostra tornado que atingiu Timbó

> Tornado em Timbó provocou pânico: "Só pensava em me salvar"

Colunistas