nsc
dc

APÓS FORTE CHUVA

Três pessoas são resgatadas após 21h ilhadas em trilha no Sul de SC

Grupo precisou passar a noite da mata, mas foi resgatado sem ferimentos

30/01/2021 - 05h00 - Atualizada em: 30/01/2021 - 07h49

Compartilhe

Clarissa
Por Clarissa Battistella
Chuva forte aumentou nível de rio e força da correnteza
Chuva forte aumentou nível de rio e força da correnteza
(Foto: )

Ilhadas por mais de 20h em uma trilha na região dos Canyons, em Praia Grande, no Litoral Sul de SC, três pessoas foram resgatadas pelos bombeiros na manhã desta sexta-feira (29), após passarem a noite na mata. O grupo, que não conseguiu atravessar os rios após chuvas intensas atingirem a região, foi retirado do local sem ferimentos. 

> Chuva forte destrói 14 pontes e deixa 2,5 mil famílias isoladas em Alfredo Wagner

> Aplicativo traz dicas e roteiros para as trilhas de Florianópolis

Segundo o Corpo de Bombeiros Militar, ao menos seis pessoas retornavam para casa, quando uma chuva caiu com intensidade e aumentou o nível dos rios, intensificando força da água. Três pessoas que tinham conseguido atravessar uma das vertentes, foram resgatadas por volta das 20h. Os outros três, por conta das condições, precisaram permanecer no local.

Correnteza intensificou com as fortes chuvas na região
Correnteza intensificou com as fortes chuvas na região
(Foto: )

Ao amanhecer, foi possível chegar até as vítimas e montar um sistema de cabos e polias para retirada do grupo. Comandante da operação de salvamento, capitão Samuel Ambroso, destacou que a atividade de canionismo é comum na região do 4º Batalhão de Bombeiros Militar (BBM), mas precisa ser bem planejada por guias, que serão responsáveis pelos grupos. 

> Confira dicas para encarar as  trilhas de Santa Catarina

- É fundamental que os participantes tenham precaução na escolha do guia, verifiquem as condições do local e principalmente as condições climáticas para o dia que realizará esse tipo de atividade - ressaltou. 

Ainda, segundo o comandante, houve uma conversa com diretores do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), responsável pelo local, e será aberto um procedimento administrativo para apuração dos fatos em relação ao grupo de turistas.

Colunistas