nsc
santa

Extorsão

Troca de fotos íntimas vira caso de polícia e mulher acaba presa em SC

Ela tentou extorquir um homem que conheceu na internet para não divulgar as imagens que recebeu

25/11/2021 - 19h39 - Atualizada em: 26/11/2021 - 21h36

Compartilhe

Talita
Por Talita Catie
Mulher foi presa em casa na cidade de Ituporanga
Mulher foi presa em casa na cidade de Ituporanga
(Foto: )

O que era para ser um namoro on-line virou caso de polícia no Vale do Itajaí. Uma das pessoas envolvidas tentou extorquir a outra para não divulgar as imagens íntimas que recebeu. O homem procurou a polícia após as constantes chantagens e a suspeita teve a prisão decretada pela Justiça. O mandado foi cumprido nesta quinta-feira (25).

> Acesse para receber as notícias do Santa por WhatsApp

A investigação começou em julho, quando a vítima procurou a Polícia Civil de Apiúna. Ela contou sobre a troca de fotografias com uma moradora de Ituporanga, que conheceu pela internet. Disse que em certo momento da relação essa mulher lhe pediu dinheiro para uma cirurgia. Ao negar o pedido, foi ameaçada de ter as fotos divulgadas nas redes sociais.

A chantagista pedia R$ 50 mil para não postar as imagens e não a acusar de ter abusado da própria filha, a qual a suspeita nem sequer conheceu pessoalmente. 

Sem ver as ameaças surtirem efeito, a mulher teria dito que havia registrado um boletim de ocorrência em Ituporanga contra a vítima e pedia dinheiro para “que a história do estupro fosse esquecida e que ninguém se incomodasse”.

A vítima não se intimidou e buscou a polícia. Durante as investigações as autoridades descobriram que essa não era a primeira vez que a moradora de Ituporanga tentava extorquir alguém. Ela havia cometido exatamente o mesmo crime em maio deste ano, quando exigia R$ 200 mil para que a vítima não fosse exposta.

A suspeita está na Unidade Prisional Avançada de Ituporanga. Na casa dela, na localidade Rio Perimbó, foi recolhido o aparelho celular da mulher para perícia. Ela vai responder pelo crime de extorsão, com pena de quatro a 10 anos de prisão e multa.

Errata: a ocorrência envolveu um homem e uma mulher, e não duas mulheres. A informação errada estava no ar até as 22h33min de sexta-feira (26/11) e foi corrigida no texto.

Leia também

> Homem achado morto em rio de Itajaí segue sem identificação no IML

> Carro despenca de estacionamento de shopping e fere pedestre em Itapema

> Bazar neste fim de semana em Blumenau tem venda de produtos apreendidos

> Ataque de pitbull mata cachorrinha e deixa mulher ferida em Blumenau

Colunistas