nsc
    dc

    TSE suspende cancelamento de 2,5 milhões de títulos eleitorais 

    23/04/2020 - 10h51 - Atualizada em: 23/04/2020 - 10h53

    Compartilhe

    Por Agência Brasil
    Lariane
    Por Lariane Cagnini
    eleitor
    Eleitores estão liberados para votar mas terão que regularizar biometria após o pleito
    (Foto: )

    O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu, no último dia 17, suspender o cancelamento de 2,5 milhões de títulos de eleitores que não compareceram ao processo de revisão biométrica. A suspensão ocorreu devido ao período de isolamento provocado pela pandemia do novo coronavírus. Com a medida, os eleitores estarão aptos a votar nas eleições de outubro.

    > Em site especial, leia mais sobre o coronavírus

    Segundo o TSE, a suspensão do cancelamento ocorreu em 15 estados. Os eleitores que estavam com pendências no documento deverão resolvê-las após as eleições. A medida é válida para Santa Catarina, e portanto com estava irregular por não ter realizado a biometria, está apto a votar no pleito municipal.

    O TSE reforça que as inscrições reabilitadas para o voto voltarão a figurar como canceladas no cadastro eleitoral após a realização das eleições. Ou seja, os eleitores terão de regularizar a situação após o pleito.

    O primeiro turno será realizado no dia 4 de outubro. Cerca de 146 milhões de eleitores estarão aptos a votar para eleger prefeitos, vice-prefeitos e vereadores nos 5.568 municípios do país.

    Atendimento online nos TREs

    O eleitor pode solicitar o primeiro título (alistamento), transferir o domicílio eleitoral ou revisar os dados cadastrais durante o período de enfrentamento à pandemia pode fazer a solicitação online. Em Santa Catarina, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) oferece atendimento remoto emergencial. Também é possível verificar a situação do título pelo site.

    No atendimento remoto emergencial, o eleitor vai preencher os dados solicitados e enviar imagens de documentos. A Zona Eleitoral que receber as informações fará a análise dos dados e dos documentos apresentados, e poderá solicitar informações adicionais caso necessário, segundo o TSE.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Cotidiano

    Colunistas