nsc
    dc

    Desligamento

    Waguinho Dias deixa o Criciúma após um mês e nenhuma vitória

    Treinador deixa o comando do Tigre após série de resultados ruins, assim como o auxiliar técnico Fernando Gil e o executivo de futebol João Carlos Maringá

    26/09/2019 - 09h09 - Atualizada em: 26/09/2019 - 10h13

    Compartilhe

    Lucas
    Por Lucas Paraizo
    Treinador foi contratado pelo Tigre no dia 27 de agosto
    (Foto: )

    Mesmo com contrato até 2020 e após apenas cinco jogos no comando do Criciúma, o treinador Waguinho Dias foi desligado do clube nesta quinta-feira após três derrotas e dois empates. Atual vice-lanterna da Série B do Campeonato Brasileiro, o Tigre não havia vencido nenhuma partida durante o mês sob o comando do técnico.

    A decisão foi confirmada pelo próprio Waguinho às 10h desta quinta, após uma reunião com a diretoria do Criciúma. Além dele, também deixam o clube o auxiliar técnico Fernando Gil e o executivo de futebol João Carlos Maringá.

    — Infelizmente eles acham que tem que mudar. O trabalho foi muito bom, o resultado que não entrou como nós esperávamos. Tanto que a equipe mostrou em campo empenho, intensidade, estava jogando bem, mas o resultado não chegou — disse Waguinho após a demissão.

    O Criciúma ainda não oficializou quem assume o comando da equipe. Em comunicado publicado no site do clube, a diretoria apenas "agradece os profissionais pelo comprometimento e profissionalismo durante o período a serviço do clube e deseja sucesso nos próximos desafios". Waguinho foi o segundo treinador do Tigre na Série B em 2019, assumindo o time após a demissão de Gilson Kleina.

    Deixe seu comentário:

    Últimas notícias

    Loading... Todas de Esportes

    Colunistas