A definição do futuro político do governador de Santa Catarina, Carlos Moisés da Silva, terá um dia importante nesta quinta-feira (24). Ele vai receber na Casa D’Agronômica a bancada estadual do MDB. Os parlamentares vão dar um ultimato à indecisão de Moisés, que ainda não escolheu caminho. Na opinião dos deputados que compõem a bancada na Assembleia Legislativa (Alesc), o apoio a Moisés nas Eleições 2022 só será dado caso ele opte por se filiar ao MDB. O partido ser vice ou qualquer outro caminho não estão em pauta dentro da sigla. Por isso que a escolha do governador será fundamental para a decisão da bancada em relação a apoiar a reeleição ou seguir para outro projeto.

Continua depois da publicidade

> Receba notícias de Santa Catarina pelo WhatsApp

O encontro entre os emedebistas e Moisés será às 10h. A tendência é que ao final da reunião haja pela menos uma sinalização do governador sobre o seu futuro político. Está visível que os parlamentares cansaram de esperar e quem um sinal do que Moisés fará. E isto é fundamental, inclusive, para o momento que vive o partido no Estado.

Atualmente, o prefeito de Jaraguá do Sul, Antídio Lunelli, tem percorrido SC com o discurso de que é o pré-candidato emedebista para o governo. No entanto, a bancada ainda espera por Moisés. Nesta terça-feira (22), o senador Dario Berger, que também quer concorrer ao governo pelo MDB, se reuniu com os deputados, e ouviu que ele precisa viabilizar a sua candidatura caso queira mesmo o apoio dos parlamentares.

Depois da conversa com o governador, nesta quinta-feira, o próximo passo será uma outra reunião, desta vez na semana que vem, com a Executiva do MDB. Será um ponto-chave para os rumos do partido. Antes disso, porém, os deputados estaduais querem saber para onde Moisés vai caminhar e esperam por uma resposta já que os prazos vão avançando e exigindo escolhas.

Continua depois da publicidade

Leia também:

> Sem festas públicas, Carnaval em Florianópolis terá eventos com ingressos de até R$ 600

> Casas noturnas de Florianópolis entram no alvo da Polícia Civil

Destaques do NSC Total