nsc
    nsc

    Na Alesc

    Relatório final da CPI da ponte Hercílio Luz será apresentado nesta segunda-feira

    Compartilhe

    Ânderson
    Por Ânderson Silva
    01/12/2019 - 10h57 - Atualizada em: 01/12/2019 - 11h04
    CPI da ponte Hercílio Luz foi instalada em fevereiro (Bruno Collaço / Agência AL)
    CPI da ponte Hercílio Luz foi instalada em fevereiro (Bruno Collaço / Agência AL)

    Está marcada para as 14h desta segunda-feira, na Assembleia Legislativa de Santa Catarina, a apresentação do relatório final da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga os gastos com a reforma da ponte Hercílio Luz. O relator, deputado Bruno Souza (Novo), vai apontar indícios de crimes e atos de improbidade administrativa que teriam sido feitos por empresários e gestores públicos.

    A CPI tem 18.182 páginas em documentos. Segundo a assessoria do parlamentar, os gastos nas obras e serviços serão apresentados no relatório. Além disso, o relator vai destacar a "falta de planejamento, falta de zelo, fiscalização e atuação de empresas não preparadas para uma obra de tamanho complexidade".

    Na terça-feira, às 17h, todos os integrantes da comissão votam pela aprovação ou não do relatório, que seguirá para o plenário da Alesc. A conclusão das atividades da CPI ocorre no mesmo período da conclusão das obras da ponte para a liberação ao trânsito. Os serviços, no entanto, vão seguir até março de 2020 para a retirada das estruturas provisórias.

    A comissão foi instalada em fevereiro deste ano e teve seus trabalhos prorrogados para até o final de 2019. Foram ouvidos servidores que passaram pelo comando da obra, empresários e o ex-governador de SC Raimundo Colombo.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas