A terça-feira, 18 de abril, promete ser intensa para Santa Catarina em Brasília. Representantes do Estado terão agendas durante todo o dia, sendo que algumas delas se destacam pela relevância dos temas que vão ser discutidos com o governo federal. A primeira das pautas, pode-se dizer, é a principal: logo pela manhã, às 9h30min, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) se reúne com os governadores dos Estados, incluindo Jorginho Mello (PL). No tema central, a segurança nas escolas após o ataque à creche Cantinho do Bom Pastor, em 5 de abril, em Blumenau.

Continua depois da publicidade

Prefeito de Blumenau vai a reunião com Lula e defenderá pena mais alta por ataques

Jorginho confirmou presença, como contou a colega Dagmara Spautz. Ela também publicou que o prefeito de Blumenau, Mário Hildebrandt, estará no mesmo encontro. A tendência é que o fato ocorrido no Vale do Itajaí esteja no eixo central das discussões.

Ainda durante o dia, estarão na Capital Federal os familiares das vítimas do ataque. Eles vão ser recebidos por representantes do governo federal e do Judiciário. O próprio prefeito de Blumenau e o deputado federal Jorge Goetten (PL-SC) é que organizam os encontros.

À tarde, o governador Jorginho tem reuniões para discutir a situação dos aeroportos de Joinville e Navegantes. O senador Esperidião Amin (PP) também participa. Por fim, no final da tarde, Jorginho se reúne com o ministro da Fazenda, Fernando Haddad.

Continua depois da publicidade

À noite, a bancada catarinense, o governador e outros representantes políticos e dos demais Poderes de SC estarão num jantar oferecido pela NSC, em Brasília. O tradicional encontro tem o objetivo de unir as forças do Estado.

Leia também:

Jorginho vai a reunião com Lula sobre segurança nas escolas

Destaques do NSC Total