nsc
    nsc

    Gastronomia

    Aprenda a preparar um delicioso cozido açoriano para aquecer os dias frios

    Compartilhe

    Beto
    Por Beto Barreiros
    07/08/2020 - 09h00 - Atualizada em: 07/08/2020 - 15h22
    O seu preparo é fácil, desde que você observe a ordem de colocação dos ingredientes
    O seu preparo é fácil, desde que você observe a ordem de colocação dos ingredientes (Foto: Beto Barreiros, arquivo pessoal)

    Herança saborosa da colonização portuguesa, o cozido é perfeito para reunir a família e amigos para almoçar nos dias mais frios do inverno. Por ser um prato coletivo e único, para ficar perfeito, o seu preparo começa no dia anterior quando alguns ingredientes precisam ser colocados de molho.

    O seu preparo é fácil, desde que você observe a ordem de colocação dos ingredientes, sempre começando com os mais duros e resistentes, até finalizar o prato cobrindo tudo com folhas de couve. Depois é só servir! Não esqueça de deixar bastante de caldo para fazer o pirão com a farinha de mandioca, que é o casamento perfeito para o cozido.

    > Leia também: Como preparar shitake, o cogumelo comestível mais consumido no mundo

    Cozido açoriano

    Ingrediente (8 pessoas):

    - 2 kg de carnes defumadas composta de lombinho, costelinha, bacon, paio e linguiça suína

    - 3 kg de carnes de gado bovino: músculo, costela cortada em pedaços pequenos, peito, ossobuco e 01 kg de carne seca

    - 500 g de feijão branco

    - 1,5 kg de batatas cortadas ao meio

    - 700 gr de abóbora cortada em pedaços

    - 400 g de aipim

    - 400 g de batata doce

    - 300 g de nabo

    - 300 g de inhame

    - Meio repolho pequeno

    - 10 folhas de couve

    - 5 cenouras cortadas em pedaços

    - 100 gr de salsinha picada

    - 100 gr de cebolinha picada

    - 3 tomates picados

    - 5 tomates inteiros

    - 3 cebolas picadas

    - 5 cebolas inteiras

    - 2 pimentões verdes cortados em tiras

    - 2 pimentões vermelhos cortados em tiras

    - 8 dentes de alho esmagados

    - 5 ovos cozidos

    - 4 folhas de louro

    - Sal e pimenta a gosto

    - Manteiga ou azeite de oliva para refogar

    - 800 g de farinha de mandioca para o pirão

    Modo de preparo:

    No dia anterior, coloque as carnes defumadas e a carne seca de molho para retirar o excesso de defumação e de sal.

    Em uma panela grande, refogue com manteiga ou azeite de oliva, a cebola, o alho, os tomates picados e os pimentões. Em seguida, coloque a carne seca, os defumados, o músculo, a costela bovina e a suína, o peito bovino, o ossobuco e o feijão branco. Cubra tudo com água e deixe cozinhar até começarem a ficar tenros. Após, coloque as raízes e os legumes e vegetais, de acordo com o tempo de cozimento. Assim que forem ficando cozidos, retire do caldo que foi formado na panela e reserve. Confira o sal. Por último, coloque os ovos cozidos e retorne todos os legumes e verduras para a panela com cuidado. Adicione a salsa e a cebolinha e finalize com as folhas de couve como cobertura para manter a temperatura.

    Na hora de servir, você pode separar os ingredientes em travessas para depois utilizar o caldo escaldante para fazer o pirão.

    Como preparar o pirão: coloque a farinha de mandioca em um prato fundo, abra um pequeno buraco no meio e coloque o caldo bem quente. Espere um pouco para ele cozinhar a farinha de mandioca e após misture bem. Dica: molho de pimenta não pode faltar.

    > Leia mais receitas e dicas do Beto Barreiros.

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas