nsc
nsc

publicidade

Oeste

Jorginho Mello vai presidir a CPI da Chapecoense

Compartilhe

Carolina
Por Carolina Bahia
03/12/2019 - 12h21
Jorginho Mello
Foto: Tiago Ghizoni

*com Camila Faraco

Está tudo pronto para a abertura no Senado da CPI que vai investigar a demora no pagamento das indenizações às vitimas do voo da Chapecoense, que completou três anos no último dia 28. O senador Jorginho Mello (PL-SC) será o presidente da comissão e Izalci Lucas (PSDB-DF), relator.

O requerimento para a criação da CPI já foi lido e os líderes partidários ainda vão indicar os senadores que farão parte da comissão. O grupo terá que emitir um relatório em até 180 dias. O principal objetivo é apurar as responsabilidades da corretora Aon, a seguradora Bisa e a resseguradora Tokio Marine Kiln. 

-Essas empresas estão levando com a barriga. Vamos mexer com a credibilidade das seguradoras porque elas vivem disso para vender seguro, disse Jorginho

No decorrer do ano, a Comissão de Relações Exteriores do Senado realizou três audiências públicas para tratar do caso, com a presença de familiares das vítimas, representantes das seguradoras e um dos sobreviventes da tragédia, o zagueiro Neto.

Entrevista: "Estou sofrendo perseguição política", diz Coronel Armando

Outra estratégia da CPI é mudar a legislação do transporte aéreo no Brasil. Hoje, o seguro obrigatório por passageiro é de R$ 74 mil, considerado um valor baixo pelos parlamentares. Além disso, a ideia é que o passageiro brasileiro possa acionar o seguro no Brasil. Algumas ações contra as seguradoras do voo da Chapecoense tramitam na Flórida (EUA), porque o estado americano tem contratos com a empresa de aviação La Mia, dona da aeronave fretada pela Chape.

Leia as últimas notícias no portal NSC Total​ Ainda não é assinante? Assine e tenha acesso ilimitado ao NSC Total, leia as edições digitais dos jornais e aproveite os descontos do Clube NSC.

Deixe seu comentário:

Carolina Bahia

Colunista

Carolina Bahia

O olhar de Santa Catarina no dia a dia da política nacional. O que acontece em Brasília e os feitos no Estado das decisões tomadas na capital do país.

siga Carolina Bahia

Últimas do colunista

Loading interface...
Carolina Bahia

Colunista

Carolina Bahia

O olhar de Santa Catarina no dia a dia da política nacional. O que acontece em Brasília e os feitos no Estado das decisões tomadas na capital do país.

siga Carolina Bahia

publicidade

publicidade

Mais colunistas

    publicidade

    publicidade

    Mais colunistas