nsc
    nsc

    Opinião

    O real resiste

    Compartilhe

    César
    Por César Seabra
    28/11/2020 - 06h00
    arte-coluna-cesar-seabra
    Coluna reproduz a letra de “O Real Resiste”, de Arnaldo Antunes (Foto: Pedro Cardenuto, Arte NSC)

    Em tempos bárbaros, de total idiotia e infames negacionismos, esta coluna reproduz a letra de “O Real Resiste”, de Arnaldo Antunes. Ela diz tudo e um pouco mais.

    “Autoritarismo não existe

    Sectarismo não existe

    Xenofobia não existe

    Fanatismo não existe

    Bruxa fantasma bicho papão

    O real resiste

    É só pesadelo, depois passa

    Na fumaça de um rojão

    É só ilusão, não, não

    Deve ser ilusão, não não

    É só ilusão, não, não

    Só pode ser ilusão

    Miliciano não existe

    Torturador não existe

    Fundamentalista não existe

    Terraplanista não existe

    Monstro vampiro assombração

    O real resiste

    É só pesadelo, depois passa

    Múmia zumbi medo depressão

    Não, não, não, não

    Trabalho escravo não existe

    Desmatamento não existe

    Homofobia não existe

    Extermínio não existe

    Mula sem cabeça demônio dragão

    O real resiste

    É só pesadelo, depois passa

    Como o estrondo de um trovão

    É só ilusão, não, não

    Deve ser ilusão, não não

    É só ilusão, não, não

    Só pode ser ilusão

    Esquadrão da morte não existe

    Ku Klux Klan não existe

    Neonazismo não existe

    O inferno não existe

    Tirania eleita pela multidão

    O real resiste

    É só pesadelo, depois passa

    Lobisomem horror opressão

    Não, não, não, não”

    Leia também:

    > Diego, um verdadeiro e apaixonado argentino

    > Trinta vacinas contra a ignorância

    > Precisamos de uma vacina urgente para prevenir a idiotia

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas