nsc
    nsc

    Náutica

    Conheça o ‘iate do Cristiano Ronaldo’ de US$ 10 milhões construído em SC

    Compartilhe

    Dagmara
    Por Dagmara Spautz
    06/10/2020 - 15h34 - Atualizada em: 06/10/2020 - 17h34
    Azimut Grande 27 Metri
    Azimut Grande 27 Metri (Foto: Divulgação)

    O estaleiro Azimut, em Itajaí – única filial da empresa fora da Itália – entregou a um cliente de São Paulo a primeira unidade do iate Azimut Grande 27 Metri produzido no Brasil. A embarcação, que passou por um período de testes na Marina Itajaí, é uma das mais tecnológicas e caras já construídas no país. Não sai por menos de US$ 10 milhões, o equivalente a R$ 55 milhões.

    > Pandemia aumenta em quatro vezes o rendimento para quem investe em imóveis em SC

    O valor pode até subir, dependendo das configurações escolhidas pelo comprador. Um luxo com design italiano, que tem apenas 30 exemplares navegando no mundo. Um deles pertence ao português Cristiano Ronaldo – o primeiro jogador de futebol a alcançar faturamento de US$ 1 bilhão durante a carreira, de acordo com a revista Forbes.

    A Azimut Grande 27 Metri que pertence a CR7 foi feita na Itália. Mas a versão brasileira é “gêmea” idêntica, com design do italiano Stefano Righini. Essa é uma das premissas do estaleiro, garantir que o produto entregue no Brasil seja exatamente o mesmo que foi produzido na matriz europeia.

    A embarcação de Cristiano Ronaldo é feita em fibra de carbono, material usado em carros de Fórmula 1 e foguetes, por exemplo, e que garante ao iate uma estrutura mais leve, com mais área útil.

    - É uma embarcação desenvolvida para um público de altíssimo nível de exigência – diz o CEO da Azimut no Brasil, Davide Breviglieri.

    > Roda gigante vai impactar mercado imobiliário em Balneário Camboriú; entenda

    Para comportar o iate, o estaleiro de Itajaí precisou ser reestruturado. Para garantir o ‘padrão made in Italy’, todas as áreas de produção da fábrica passaram por treinamentos específicos, incluindo engenharia, mecânica, elétrica, montagem, alta costura, laminação e decoração.

    A proa, parte frontal do iate, tem um lounge reservado que serve como terraço para o mar, com área de convivência e descanso. No flybridge, que é o terceiro pavimento, fica o posto de comando secundário e áreas de convivência como sala de jantar, área de bar, espaço gourmet, além de ambientes para relaxamento e banhos de sol com jacuzzi e bar ao ar livre. O flybridge é grande a ponto de comportar mais uma pequena embarcação ou um jet ski.

    Na popa, área traseira do barco, uma grande plataforma de popa submergível pode ser usada como deck. O espaço também é suficiente para uma segunda embarcação ou moto aquática.

    Internamente, o iate tem uma suíte principal com grandes janelas, um espaçoso banheiro e um closet. O modelo ainda tem a possibilidade de configuração com até 5 suítes. Para a tripulação – quem trabalha no barco – há uma área de refeições, duas cabines e até dois banheiros com acesso privativo.

    A decoração inclui móveis italianos em estilo clássico e contemporâneo. A assinatura é do renomado arquiteto Achille Salvagni.

    O casco do iate é em “V’ profundo, o que reduz o atrito e melhora o consumo. Equipado com dois motores, o barco tem velocidade de até 28 nós, que correspondem a cerca de 52 quilômetros por hora.

    O primeiro Azimut Grande 27 Metri feito em Itajaí teve o casco pintado de preto, a pedido do dono – o que difere do padrão do marca.

    As embarcações que saem da fábrica em Itajaí abastecem não apenas o mercado nacional e sulamericano, mas também da América do Norte e Emirados Árabes. Na filial brasileira, são fabricadas embarcações de 40 a 100 pés.

    Veja fotos da embarcação:

    Azimut Grande 27 Metri
    Azimut Grande 27 Metri
    (Foto: )
    Azimut Grande 27 Metri
    Azimut Grande 27 Metri
    (Foto: )
    Azimut Grande 27 Metri
    Azimut Grande 27 Metri
    (Foto: )
    Azimut Grande 27 Metri
    Azimut Grande 27 Metri
    (Foto: )

    Participe do meu canal do Telegram e receba tudo o que sai aqui no blog. É só procurar por Dagmara Spautz - NSC Total ou acessar o link: https://t.me/dagmaraspautz​​ 

    Deixe seu comentário:

    Últimas do colunista

    Loading...

    Mais colunistas

      Mais colunistas